Coronavírus

Famosos e TV Com covid-19, Marília Mendonça defende vacina: 'Me ajudou muito'

Com covid-19, Marília Mendonça defende vacina: 'Me ajudou muito'

Cantora de 26 anos, que permanence isolada em casa, acredita que imunizante foi fundamental para evitar agravamento da doença

Cantora sertaneja defende uso de vacinas após ser diagnosticada com covid-19

Cantora sertaneja defende uso de vacinas após ser diagnosticada com covid-19

Reprodução/Instagram

Marília Mendonça, de 26 anos, usou as redes sociais nesta quarta-feira (8) para desabafar sobre a importância da vacinação contra a covid-19. A sertaneja, que foi diagnosticada com a doença e permanece isolada na mansão em que vive, atribuiu ao imunizante o fato de não ter apresentado sintomas graves da infecção. 

"Graças a Deus já tinha tomado a primeira dose e eu tenho certeza absoluta que isso influenciou muito para o meu caso passar praticamente despercebido. Tive sintomas de gripe simples, mas está tudo certo, não tem nenhum risco de complicação, de respiração nem nada. Vacinem! A vacina é importante. Só tive a oportunidade de tomar a primeira dose por enquanto, mas já me ajudou muito", disse. 

Mais cedo, em contato com a reportagem do R7, a assessoria de imprensa da cantora confirmou o diagnóstico e afirmou que ela apresenta apenas sintomas leves. Por conta disso, a cantora não fará o show que estava marcado para sábado (11), em São José dos Campos, em São Paulo. Com isso, o evento foi adiado para o dia 25 de setembro

Marília Mendonça cancela show após diagnóstico

Últimas