Famosos e TV Latino causa revolta por fala sobre autismo e é detonado na internet 

Latino causa revolta por fala sobre autismo e é detonado na internet 

Cantor comparou o que chamou de 'fases do artista' com o transtorno e foi criticado por membros de organizações sociais 

  • Famosos e TV | Do R7

Cantor causou revolta após comparação envolvendo autismo durante entrevista

Cantor causou revolta após comparação envolvendo autismo durante entrevista

Reprodução/Instagram

Latino foi criticado nesta terça-feira (24) após fazer um comentário em que compara as "fases do artista" com o "autismo". A declaração dele foi dada durante uma entrevista a Rogério Vilela, no podcast Cortes da Inteligência Ltda, há duas semanas. 

A fala do famoso, no entanto, provocou revolta entre pais e membros de organizações sociais. Procurada pela reportagem do R7, a assessoria de imprensa do cantor não se manifestou até a publicação desta nota. O espaço permanece aberto. 

"O artista tem quatro fases e eu falo isso para todo mundo. A primeira fase é a humildade, onde o cara fala com todo mundo e o mais simpático do mundo. Vem a segunda fase que é a euforia. O artista entra em euforia e quer estar em todos os lugares [...] Depois disso, ele entra na fase do autismo. O autismo é o que muitos políticos têm que não quer ouvir ninguém. Ele se fecha no mundo dele e não quer ouvir ninguém, não ouve empresário, não ouve gravadora e ele está autista. A quarta fase é a fase mais triste do artista que é quando ele cai na real", disso o cantor, durante a conversa. 

A página O Autismo Nas Pontas Dos Pés, que é administrada por Elianar, mãe de uma criança de 5 anos diagnosticada com autismo, criticou o comentário do cantor. "Não sei se o que senti foi raiva, nojo, revolta ou tristeza. Logo você, Latino. Eu gostava de você, cara! E se você não consegue enxergar nada demais na fala do Latino é porque você é tão capacitista quanto ele", começou Elianar. 

E completou: "Todos os dias nos deparamos com falas como essas, de artistas, de políticos, de gente que se apropria do termo 'autismo/autista' para fazer mer**. É uma luta incansável contra o capacitismo e o preconceito. Mas não vamos desistir. Eu gostaria que todos fossem lá no direct da página oficial do Latino, não para ofendê-lo, nem o desrespeitar, nem para cancelá-lo. Mas para dizer a ele que ele pode usar outros termos para fazer a analogia dele".

Últimas