343 Industries reconhece críticas a visual de Halo Infinite e promete melhorar

Após comentar que estava dando ouvidos às críticas, a 343 Industries publicou uma resposta oficial às reações negativas a Halo Infinite manifestadas desde a demonstração na semana passada. Em sua resposta, a produtora diz que a estética geral do jogo, que muitos consideraram ultrapassada, é fruto da decisão de manter o visual do “legado” da… O post 343 Industries reconhece críticas a visual de Halo Infinite e promete melhorar apareceu primeiro em Outer Space.

343 Industries reconhece críticas a visual de Halo Infinite e promete melhorar

343 Industries reconhece críticas a visual de Halo Infinite e promete melhorar

Outerspace

Após comentar que estava dando ouvidos às críticas, a 343 Industries publicou uma resposta oficial às reações negativas a Halo Infinite manifestadas desde a demonstração na semana passada.

Em sua resposta, a produtora diz que a estética geral do jogo, que muitos consideraram ultrapassada, é fruto da decisão de manter o visual do “legado” da série Halo, portanto não irá mudar, mas alguns detalhes de fidelidade visual ainda devem ser melhorados.

As críticas do público a Halo Infinite começam pelo fato do jogo não mostrar, em nenhum aspecto, que faz uso do poder computacional do Xbox Series X. As texturas, a geometria do cenário, sombras e luzes são simples e não muito diferentes do que um jogo da primeira geração do Xbox One apresentou, embora desta vez rode em 4K.

A estética de formas poligonais simples fazia mais sentido quando o primeiro Halo foi concebido. O protagonista Master Chief, por exemplo, com sua armadura “quadradona”, foi a solução em uma época em que gerar figuras humanas realistas era muito difícil, assim como a arquitetura dos prédios, que parecem grandes blocos de aço com texturas planas. Isso, aparentemente, se tornou a herança de Halo e a 343 optou por manter.

Os fãs também apontaram a má qualidade das texturas e sombras em detalhes como o rifle de Master Chief, que foi mais realista nos Halos antigos. Um inimigo em particular, semelhante a um gorila, virou o maior símbolo da tosquice visual da demo, e ganhou o apelido “Craig – O Bruto” na internet. Esses são detalhes que a 343 Industries parece mais disposta a melhorar.

“Primeiro, queremos reconhecer que sim, ouvimos o feedback de partes da comunidade sobre os recursos visuais na demonstração da campanha de Halo Infinite. Embora tenhamos visto e ouvido muito mais comentários positivos do que negativos, queremos compartilhar um pouco mais de contexto. Da nossa perspectiva, há duas áreas principais em debate na comunidade – estilo geral da arte e fidelidade visual”, escreveu a produtora.

Com base nos aprendizados de Halo 4, Halo 5 e Halo Wars 2 – junto com um forte feedback da comunidade -, decidimos voltar à estética herdada que definia a trilogia original. Com Halo Infinite, estamos retornando a um estilo de arte mais “clássico”, que foi uma mensagem fundamental que remonta à primeira revelação que obteve respostas entusiasmadas e positivas. Isso se traduz em uma paleta mais vibrante, modelos “mais limpos” e objetos com menos “ruído”, embora isso não signifique menos detalhes. Embora entendamos que essa pode não ser a preferência pessoal de todos, mantemos essa decisão e estamos felizes em vê-la ressoando com tantos fãs ao redor do mundo.

O segundo tema em discussão envolve fidelidade visual. O feedback negativo nessa área inclui comentários em torno de personagens e objetos com aparência plana, simplista e plástica, iluminação parecendo opaca e plana e pop-in de objeto. Lemos seus comentários, vimos exemplos caseiros de conteúdo retocado e, sim, ouvimos as avaliações da Digital Foundry. De muitas maneiras, estamos de acordo aqui – temos trabalho a fazer para abordar algumas dessas áreas e aumentar o nível de fidelidade e a apresentação geral do jogo final. A versão usada para executar a demo da campanha estava em andamento há várias semanas, com uma variedade de elementos gráficos e sistemas de jogos ainda sendo finalizados e polidos. Embora parte do feedback seja esperado e fale com áreas já em andamento, outros aspectos do feedback trouxeram novas oportunidades e considerações à luz de que a equipe está levando muito a sério e trabalhando para avaliar. Ainda não temos respostas ou resultados firmes para compartilhar, mas a equipe está trabalhando o mais rápido possível nos planos para abordar parte do feedback sobre detalhes, clareza e fidelidade geral. A equipe está comprometida e focada em garantir que tenhamos um mundo bonito para os jogadores explorarem quando lançarmos”.

Halo Infinite será lançado para PC, Xbox One e Xbox Series X no final do ano. O multiplayer do jogo pode ser gratuito e aberto a todos.

O post 343 Industries reconhece críticas a visual de Halo Infinite e promete melhorar apareceu primeiro em Outer Space.