Outer Space CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas

CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas

Após emitir um comunicado pedindo desculpas pelo lançamento conturbado de Cyberpunk 2077, a CD Projekt Red fez uma teleconferência com investidores para detalhar o que fez, o que podia ter feito e o que fará com o jogo daqui para a frente. Desde que foi lançado na última quinta-feira, 10 de dezembro, Cyberpunk 2077 tem… O post CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas apareceu primeiro em Outer Space.

Outerspace
CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas

CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas

Outerspace

Após emitir um comunicado pedindo desculpas pelo lançamento conturbado de Cyberpunk 2077, a CD Projekt Red fez uma teleconferência com investidores para detalhar o que fez, o que podia ter feito e o que fará com o jogo daqui para a frente.

Desde que foi lançado na última quinta-feira, 10 de dezembro, Cyberpunk 2077 tem sido duramente criticado especialmente por seu desempenho no PS4 e Xbox One básicos. Além de ter inúmeros bugs, de simples a críticos, o jogo não consegue alcançar um nível de qualidade gráfica satisfatória nos velhos consoles e em cenas de tiroteio intenso a taxa de quadros por segundo pode cair a sofríveis 15 qps.

A produtora polonesa se comprometeu a consertar os “problemas mais importantes” que os jogadores estão enfrentando nos consoles antigos através de três atualizações. A primeira será lançada até o próximo final de semana e duas outras virão em janeiro e fevereiro. Ao fim destas atualizações, a CDPR espera que Cyberpunk 2077 esteja funcionando de forma satisfatória no PS4 e Xbox One, mas avisa que o jogo nessas plataformas jamais terá a qualidade do PC, PS5 e Xbox Series X|S.

Na conferência com investidores, os participantes foram o presidente e co-CEO Adam Kiciński, o cofundador e co-CEO Marcin Iwiński, o CFO Piotr Nielubowicz, o vice-presidente sênior de desenvolvimento de negócios Michał Nowakowski e o membro do conselho Piotr Karwowski. Eles responderam a maioria das dúvidas que o público e investidores têm sobre Cyberpunk 2077. Veja abaixo.

Em primeiro lugar, vocês poderiam nos dar mais detalhes sobre o impacto que vocês tiveram nas vendas nos primeiros quatro dias desde o lançamento dos consoles de última geração?

Piotr Nielubowicz: Definitivamente, vimos boas vendas iniciais, especialmente no PC que estava vendendo muito bem. Obviamente, a situação atual fará com que as vendas do console caiam, mas neste momento, na segunda-feira, é muito cedo para dar um feedback detalhado sobre isso. Ainda estamos coletando os dados, principalmente dos canais de varejo. Receio não ser capaz de responder a esta pergunta com precisão. No entanto, como prometemos antes desta ligação, planejamos divulgar o número de vendas antes do feriado.

Você acha que poderia ter lançado este jogo em consoles de última geração da maneira que gostaria se tivesse mais desenvolvedores? Ou foi um problema de fluxo de trabalho?

Michał Nowakowski: Em termos de entregar o jogo em um determinado ponto, realmente não se trata do número de pessoas. Quer dizer, não é como se eles tivessem sido incluídos no mês passado. Eu não sei se [um extra de] 200 ou 100 pessoas ou algo desse tipo ajudaria realmente. Portanto, a resposta é não, não está relacionado ao fato de que poderíamos ter colocado mais duas, três ou 500 pessoas na batalha e feito as coisas acontecerem de forma diferente.

Pensando em seu conteúdo adicional que você planeja lançar nos próximos dois ou três anos, como você se sente sobre sua capacidade de lançar alguns DLCs no próximo ano e multiplayer em 2022?

Adam Kiciński: Na verdade, para ser honesto, é muito cedo para julgar no momento. Deixe-nos lidar com a situação e façamos mais algumas avaliações. Ainda está à nossa frente, então não sabemos ainda. Agora estamos focados em melhorar o Cyberpunk e discutiremos isso no início do próximo ano.

Eu percebi que você está oferecendo reembolsos por meio das plataformas de console e também por meio de varejistas. Você já viu uma enxurrada de reembolsos com os quais está tendo que lidar, ou a maioria das pessoas que já compraram o jogo ainda está confiante de que você o tornará mais jogável?

Marcin Iwiński: Na verdade, não estamos incentivando os jogadores a devolver o jogo. Esperamos que eles nos dêem a chance de melhorar o jogo nos consoles da velha geração. Houve uma correção no último fim de semana, e outra chegando em sete dias. Mas existe uma opção. Demos a eles uma opção… Dizemos a eles [opção para pedir um] reembolso e, se isso não for possível, também estamos oferecendo ajuda com isso.

A partir de hoje, é muito cedo para dizer [quantos reembolsos existem] porque acabamos de começar e esperamos sinceramente que os jogadores prefiram esperar pela atualização porque estão esperando muito por este jogo. Mas, novamente, esta é nossa humilde esperança e avaliaremos a situação em alguns dias, quando pudermos ver os números.

Em consoles da antiga geração, você acha que precisava de mais testes externos? Faz parte do processo aqui que tudo tenha sido muito interno?

Adam Kiciński: Temos um departamento de QA interno e também estamos trabalhando com empresas externas. Talvez uma coisa que não nos ajudou foi a Covid-19, já que os testadores internos são capazes de testar o jogo trabalhando em casa, porque nós fornecemos a eles todas as conexões, máquinas e assim por diante.

Mas testadores externos, trabalhando para empresas externas, não puderam testar o jogo em casa porque eles têm centros de teste e se eles não estiverem lá, eles não podem trabalhar. Portanto, tivemos uma diminuição no número de testadores, mas eu não apontaria isso como uma grande fonte de problemas.

No multiplayer, certamente vocês não vão se apressar, dado o que têm visto agora. Deveríamos realmente estar pensando em 2023, no mínimo, para a chegada deste?

Adam Kiciński: Em primeiro lugar, ainda não confirmamos nenhuma data e, como eu disse antes, é difícil julgar agora. Estamos em uma situação que não foi planejada e teremos que reavaliar onde estamos e esse é o plano para janeiro.

Agora estamos gerenciando a situação do single-player, estamos trabalhando em patches e comunicação e como eu disse no início desta chamada, estar focado, focado nos jogadores e então [olharemos] nossos planos futuros.

Devemos supor que vocês sentiram que era muito importante que o jogo não fosse atrasado até o próximo ano, ou simplesmente que vocês subestimaram até que ponto a versão da antiga geração não seria do jeito que deveria ser?

Michał Nowakowski: Foi mais a gente olhando para a nova geração e o desempenho do PC, ao invés da geração atual. Definitivamente, não passamos muito tempo olhando para isso, então não diria que sentimos qualquer pressão externa ou interna para, você sabe, lançar em datas diferentes da pressão normal, que normalmente coincide com qualquer lançamento. Essa não foi a causa.

No estágio de certificação, presumivelmente, a Microsoft e a Sony sempre pegam os jogos que ainda têm bugs e decidem que vão ficar bons, em parte com base na discussão com vocês de que haverá consertos. Eu entendi isso corretamente ou vocês sentem de alguma forma que o processo de certificação falhou em identificar o quão baixo desempenho era a versão da velha geração?

Michał Nowakowski: As first-party são definitivamente… isso está do nosso lado. Se posso dizer algo, é que só posso assumir que sim, eles estavam contando que iríamos consertar as coisas no lançamento e que obviamente não funcionaram exatamente como planejamos.

Vocês têm certeza de que as máquinas da antiga geração serão capazes de produzir uma versão aceitável deste jogo?

Michał Nowakowski: Conforme divulgado na declaração tornada pública hoje, estamos planejando tornar o jogo em uma forma muito, muito melhor do que agora, é claro. Muito disso ainda vai acontecer em dezembro e, em janeiro e fevereiro, você verá melhorias ainda maiores.

Também dissemos que se sua expectativa pessoal é que o jogo será igual ao desempenho da nova geração ou do PC, isso definitivamente não vai acontecer. Dito isso, não estou dizendo que vai ser um jogo ruim, mas se você tem grandes expectativas visuais, ou algum outro tipo de ângulo de desempenho, então estamos declarando abertamente que não será o caso. Este será um bom jogo, jogável sem falhas e travamentos… essa é a intenção.

A jogabilidade dos consoles da antiga geração não foi realmente mostrada antes do lançamento. Vocês podem explicar por que decidiram não mostrar?

Marcin Iwiński: Na verdade, mostramos a filmagem do console, mas na verdade nunca mostramos nos consoles da velha geração. A razão para isso é que estávamos atualizando o jogo nos consoles da antiga geração até o último minuto e pensamos em fazer isso no prazo.

Infelizmente, isso resultou em mostrar a vocês apenas um dia antes do lançamento. Definitivamente, isso era tarde demais e não demos a chance para a mídia revisá-lo adequadamente e, definitivamente, somos os únicos culpados. Não era intencional, estávamos apenas consertando o jogo até o último momento.

Você poderia nos dar uma visão geral de como suas equipes estão trabalhando agora? A equipe do Cyberpunk ainda está trabalhando no Cyberpunk? Em termos de alocação de pessoal, esta situação atrasa projetos futuros como The Witcher 4?

Adam Kiciński: A equipe Cyberpunk foi planejada para continuar trabalhando nos patches. Provavelmente vai demorar um pouco mais, mas é claro, estamos ramificando e trabalhando em projetos futuros também.

Claro, em primeiro lugar, teremos férias. Quer dizer, as pessoas estão cansadas. Portanto, independentemente da situação, independentemente dos patches, não vamos apenas continuar trabalhando… E então, pelo menos até fevereiro, teremos uma equipe forte trabalhando nos patches.

Vocês poderiam explicar novamente como funcionam os reembolsos em relação às lojas da Microsoft e da Sony?

Michał Nowakowski: É preciso entender que a Microsoft e a Sony, para cada produto lançado digitalmente nas vitrines da Microsoft ou Sony, têm políticas de reembolso. Quero dizer, apesar de vários artigos que mostraram que as coisas estão sendo mudadas apenas para nós, isso não é verdade. Essas políticas estão em vigor e sempre estiveram em vigor e não são abertas especificamente para nós.

Quer dizer, qualquer pessoa que comprou qualquer título na PlayStation Network ou Microsoft Store pode pedir um reembolso e se for feito dentro de certos limites, geralmente relacionados ao tempo, determinado uso e assim por diante, pode pedir esse reembolso. Nosso procedimento aqui com a Microsoft e a Sony não é diferente de qualquer outro título lançado em qualquer uma dessas vitrines. Eu só queria dizer isso claramente porque parece haver certos equívocos.

Em termos de participação financeira, se um produto for reembolsado, a parcela da loja que a Microsoft tinha é reembolsada e, claro, é algo que é subtraído da parcela da receita que normalmente seria transmitida para a CD Projekt, obviamente, não é compartilhada com nós e, em vez disso, é devolvido aos clientes fornecidos.

Vocês estão considerando dar um DLC maior de graça para jogadores que estão desapontados? Isso está na mesa?

Michał Nowakowski: Declaramos qual é a nossa política em termos do que estamos fazendo com os jogadores por enquanto e é onde estamos.

Vocês poderiam comentar sobre o relatório recente de Jason Schreier sobre a alteração dos bônus da equipe em relação às pontuações nas análises?

Michał Nowakowski: Na verdade, não estamos fazendo nenhum comentário sobre o que outra pessoa disse sobre o que está acontecendo no estúdio.

Sobre os reembolsos, o mercado terá alguma atualização sobre os volumes?

Michał Nowakowski: Ainda não sabemos. Na verdade, antes do Natal lançaremos os números de venda embora, mas em termos de reembolso, não temos certeza se compartilharemos essas informações fora da empresa.

Vocês vão baixar o preço da versão do console, considerando que não é totalmente comparável ao PC?

Adam Kiciński: Em termos de forma do jogo após a otimização, é o que compartilhamos no início da chamada, o que significa que o jogo não terá travamentos, os principais bugs serão eliminados e estamos procurando melhorar o desempenho de ambos e a fidelidade gráfica. Isso será espalhado por vários patches e, claro, atualizações muito importantes acontecerão ainda este mês.

Na verdade, o jogo pode ser jogado até agora. Isso é talvez uma coisa importante a dizer, porque não é como se o jogo não estivesse iniciando ou não fosse jogável. Compreendo perfeitamente que esta experiência está longe de ser satisfatória para muitas pessoas e reconhecemos isso. Mas não é como se não funcionasse, o que não é o caso.

Versus PC, isso é algo que afirmamos antes. Não estamos dizendo que o desempenho do PC ou da próxima geração será possível com as versões da antiga geração. Isso é definitivamente algo que não estamos dizendo.

No preço, não estamos prevendo baixar o preço. Estamos nos concentrando em consertar o jogo para garantir que as pessoas fiquem felizes com o produto. Mas não há nenhuma discussão atualmente sobre alterar nada com o preço.

Vocês poderiam ter lançado o jogo sem a versão de console da velha geração?

Adam Kiciński: Em teoria pura, se decidíssemos um dia antes do lançamento, então sim. Poderíamos ter acabado lançando a versão para PC. Na nova geração, a resposta é não: essa é uma versão completamente diferente do jogo, então não é como se pudéssemos ter decidido a qualquer momento recentemente que estamos apenas, você sabe, mudando as coisas.

Como você deve ter notado, não existe um lançamento nativo de nova geração. O jogo é executado na nova geração e aproveita o desempenho dos consoles da nova geração, mas não é como se tivéssemos uma versão da nova geração em nossas mãos e decidíssemos mantê-la na gaveta.

Marcin Iwiński: Como você deve ter notado, não lançamos uma versão de nova geração adequada. Então, na verdade, não a temos pronta ainda. O que fizemos, no entanto, é que prometemos que cada jogador que comprou o jogo nos consoles da antiga geração receberá no próximo ano uma atualização de próxima geração adequada e, portanto, é obviamente nisso que estamos trabalhando.

Este é outro – espero sinceramente – incentivo para manter o jogo e não devolvê-lo, porque então eles podem colocar sua versão do PlayStation ou Xbox na unidade do console da nova geração e o jogo será atualizado automaticamente para uma experiência de nova geração sem nenhum custo adicional. Portanto, acredito que tem algum valor.

Sabemos que o console tem sido decepcionante, mas vocês poderiam fornecer alguns comentários sobre as vendas de PCs e feedback dos jogadores?

Piotr Nielubowicz: Como mencionamos, as vendas iniciais foram muito boas e isso é o que mais vemos agora. Ainda estamos coletando os resultados das vendas, principalmente dos canais físicos de varejo, mas a abertura digital – principalmente no PC – foi muito, muito boa, conforme informamos na data de estreia.

No que diz respeito ao feedback do jogador, o feedback para PC é muito melhor do que o que recebemos nos consoles.

Mas também quando lemos comentários sobre a versão para PC, vemos muitos comentários referentes à versão do console, então o feedback é misturado entre as plataformas e nem sempre é fácil de ver.

Michał Nowakowski: A versão para PC é aquela que os avaliadores obtiveram, então você pode conferir as revisões e a pontuação do Metacritic que obtivemos. E, claro, você sabe, como os PCs variam em termos de configuração, os jogadores também têm certos problemas. Estamos lembrando a todos no lançamento sobre os drivers das placas gráficas NVIDIA lançados recentemente, que são cruciais para o nosso jogo, porque foram desenvolvidos em coordenação conosco.

Mas acho que posso dizer que muitos jogadores de PC em geral estão gostando do jogo e vemos comentários muito positivos. Portanto, muita positividade e boa vontade estão vindo dessa direção. No lançamento, é um mundo gigantesco, então sempre haverá algumas falhas e problemas que podem ser resolvidos e, em seguida, as diferentes configurações.

Vocês mencionaram que haverá outra correção nos próximos 7 dias. Que tipo de melhorias essa fará?

Com relação à experiência do console, já melhoramos muitos travamentos com o último hotfix no último fim de semana e neste fim de semana novamente veremos menos travamentos e bugs que quebram o jogo. Espero sinceramente que durante o Natal os jogadores possam desfrutar do jogo nos consoles. Claro, as grandes atualizações ocorrerão em janeiro e fevereiro, então, novamente, estamos humildemente pedindo a eles que esperem por isso e eles poderão desfrutar de uma experiência ainda melhor.

Dado que agora vocês provavelmente têm quatro dias de dados de jogo ativos, vocês poderiam comentar um pouco sobre como os jogadores estão avançando no jogo?

Adam Kiciński: Por enquanto, o sentimento é positivo. A cada dia após o lançamento, recebemos comentários cada vez mais positivos… Começamos com uma pontuação de 70 por cento, agora temos 79. Se você filtrar aqueles que jogam 10 horas ou mais, é 85. Portanto, quanto mais você joga, mais você gosta. E esse é o feedback geral que temos.

Estamos discutindo consoles de todas as gerações, incluindo consoles da antiga geração e feedback negativo. Mas temos toneladas de feedback positivo de jogadores que jogam em consoles de última geração também, então não é apenas negativo. Claro, a primeira onda foi negativa, especialmente depois da campanha muito forte exibindo o jogo em PCs, mas temos cada vez mais jogadores felizes jogando em consoles de última geração também.

Todos os patches serão puramente focados no desempenho e na correção de bugs, ou vocês também estão procurando melhorar a jogabilidade de alguma forma? Por exemplo, acho que tem havido algumas críticas sobre o comportamento dos NPCs.

Michał Nowakowski: Do ponto de vista da produção, o comportamento da IA ​​e dos NPCs são parte dos bugs. Então, quando estávamos respondendo, acho que também inclui isso.

Como vocês esperam que a receita gerada ao longo do ano do jogo se compare a um lançamento mais tradicional, visto que muitos jogadores podem estar pensando que esperarão para obter um console de última geração?

Michał Nowakowski: Em primeiro lugar, oferecemos publicamente a atualização gratuita, para que todos que compraram o jogo em consoles de todas as gerações possam atualizar para uma versão de última geração. Espero que isso não impeça os jogadores de tomarem suas decisões de compra e esperar pelos consoles da próxima geração.

Além disso, obviamente, a atualização será dada assim que prepararmos a versão de próxima geração do console, que está para acontecer no próximo ano. Portanto, teremos mais uma oportunidade de oferecer a todos aqueles que não decidiram comprá-lo uma oportunidade de comprar o jogo preparado especialmente para a próxima geração com todas as tecnologias que a próxima geração tem a oferecer.

O post CD Projekt explica situação de Cyberpunk 2077 e detalha planos para as próximas semanas apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas