Outer Space CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto

CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto

O CEO da Tripwire Interactive renunciou após sofrer um linchamento virtual devido a uma mensagem na qual ele se revelava pró-vida e a favor de uma recente legislação anti-aborto no Texas. No último final de semana, John Gibson, CEO da Tripwire, desenvolvedor de Maneater e Killing Floor, tuitou seu apoio à decisão da Suprema Corte… O post CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto apareceu primeiro em Outer Space.

Outerspace
CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto

CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto

Outerspace

O CEO da Tripwire Interactive renunciou após sofrer um linchamento virtual devido a uma mensagem na qual ele se revelava pró-vida e a favor de uma recente legislação anti-aborto no Texas.

No último final de semana, John Gibson, CEO da Tripwire, desenvolvedor de Maneater e Killing Floor, tuitou seu apoio à decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos de não vetar uma nova lei no Texas que proíbe o aborto após seis semanas de gestação, momento no qual o feto geralmente desenvolve um coração funcional.

O apoio de Gibson à lei foi recebido com fortes críticas no Twitter, inclusive de colegas como o desenvolvedor de God of War, Cory Barlog, e Cliff Bleszinski, ex-Gears of War. Muitos jornalistas de games e jogadores atacaram o desenvolvedor e juraram nunca mais jogar os títulos da Tripwire.

Os dois estúdios parceiros da Tripwire, o TornBanner Studios (desenvolvedor de Chivalry II) e Shipwright Studios (co-desenvolvedor de Chivalry II e Maneater) anunciaram que estavam rompendo relações com a empresa de Gibson.

Diante do massacre sofrido nas redes sociais, Gibson anunciou que está renunciando ao cargo de CEO da Tripwire. A empresa também publicou um comunicado no qual afirma que “os comentários feitos por John Gibson são de sua própria opinião e não refletem os da Tripwire Interactive como empresa”.

“Seus comentários desconsideraram os valores de toda a nossa equipe, dos nossos parceiros e de grande parte da nossa comunidade em geral. Nossa equipe de liderança na Tripwire lamenta profundamente e está mais unida em nosso compromisso de agir com rapidez e promover um ambiente mais positivo”.

“Com efeito imediato, John Gibson deixou o cargo de CEO da Tripwire Interactive. O membro cofundador e atual vice-presidente, Alan Wilson, assumirá como CEO interino”.

A nova lei do Texas, chamada “Heartbeat Act”, torna ilegal para as mulheres fazerem um aborto após seis semanas, e inclui um “direito civil privado de ação”, o que significa qualquer cidadão do Texas tem o direito de processar qualquer pessoa envolvida em um aborto em até US$ 10.000.

O post CEO da Tripwire Interactive renuncia após ser atacado por posição anti-aborto apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas