Outer Space História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo

História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo

Ao anunciar Far Cry 6 com o enredo de uma ilha caribenha no meio de uma revolução, a Ubisoft novamente levantou questões sobre a natureza política de seus jogos. Depois de mais uma vez tentar transmitir certa neutralidade, como havia feito em Far Cry 4 ao abordar temas como religião e conservadorismo no interior dos… O post História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo apareceu primeiro em Outer Space.

Outerspace
História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo

História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo

Outerspace

Ao anunciar Far Cry 6 com o enredo de uma ilha caribenha no meio de uma revolução, a Ubisoft novamente levantou questões sobre a natureza política de seus jogos. Depois de mais uma vez tentar transmitir certa neutralidade, como havia feito em Far Cry 4 ao abordar temas como religião e conservadorismo no interior dos Estados Unidos, a editora finalmente se rendeu.

“Nossa história é política. Uma história sobre uma revolução moderna deve ser”, escreveu o diretor de narrativa de Far Cry 6, Navid Khavari.

Khavari, que nasceu na Inglaterra como descendente de imigrantes iranianos, publica seus pronomes preferidos na bio das redes sociais, apoia o movimento Black Lives Matter e trabalha em um meio dominado por militantes radicais de esquerda, mas ainda assim mantém certo mistério sobre a visão sua e da equipe da Ubisoft a respeito de Cuba, a principal fonte de inspiração para a ilha fictícia de Yara.

“Há discussões difíceis e relevantes em Far Cry 6 sobre as condições que levam ao surgimento do fascismo em uma nação, os custos do imperialismo, trabalho forçado, a necessidade de eleições livres e justas, direitos LGBTQ+ e muito mais dentro do contexto de Yara, uma ilha fictícia do Caribe. Meu objetivo era capacitar nossa equipe a não ter medo na história que estávamos contando, e trabalhamos muito para fazer isso nos últimos cinco anos. Também procuramos ter muito cuidado com a maneira como abordamos nossas inspirações, que incluem Cuba, mas também outros países ao redor do mundo que passaram por revoluções políticas em suas histórias”, explicou Khavari.

“Em nossa abordagem, procuramos para nossa equipe criadores e colaboradores que possam falar pessoalmente sobre a história e as culturas das regiões que nos inspiraram. Também trouxemos especialistas e consultores para examinar a história do jogo várias vezes ao longo do projeto para ter certeza de que estava sendo contada com sensibilidade. Não cabe a mim decidir se tivemos sucesso, mas posso dizer que tentamos com toda a certeza”.

O diretor de Far Cry 6 indicou que o jogo não entrará em grandes polêmicas sobre o tema, entretanto, e houve o cuidado de evitar discussões binárias sobre o contexto político atual.

“As conversas e pesquisas feitas sobre as perspectivas daqueles que lutaram contra as revoluções no final dos anos 1950, início dos anos 1960 e além estão absolutamente refletidas em nossa história e personagens. Mas se alguém está procurando uma declaração política simplificada e binária especificamente sobre o clima político atual em Cuba, eles não a encontrarão. Sou de uma família que sofreu as consequências da revolução. Tenho debatido a revolução na mesa de jantar minha vida inteira. Só posso falar por mim, mas é um assunto complexo que nunca deve ser reduzido a uma citação”, escreveu o diretor de narrativa.

“O que os jogadores encontrarão é uma história cujo ponto de vista tenta capturar a complexidade política de uma revolução moderna e atual dentro de um contexto fictício. Tentamos contar uma história com ação, aventura e coração, mas que também não tem medo de fazer perguntas difíceis. Far Cry é uma marca que em seu DNA busca ter temas maduros e complexos equilibrados com leviandade e humor. Um não existe sem o outro e temos tentado atingir esse equilíbrio com cuidado. Minha única esperança é que estejamos dispostos a deixar a história falar por si mesma antes de formar opiniões duras sobre suas reflexões políticas”.

Far Cry 6 será lançado para PC e consoles em 7 de outubro.

O post História de Far Cry 6 é sobre política, diz diretor do jogo apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas