Outer Space Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho

Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho

A Sony revelou que começará a ter lucro na venda do modelo com disco do PlayStation 5 após junho de 2021. Até agora a empresa absorve um pequeno prejuízo ao vender o console pelos valores estipulados em todos os mercados, como US$ 499 nos Estados Unidos e R$ 4.699 no Brasil. Falando durante uma apresentação… O post Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho apareceu primeiro em Outer Space.

Outerspace
Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho

Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho

Outerspace

A Sony revelou que começará a ter lucro na venda do modelo com disco do PlayStation 5 após junho de 2021. Até agora a empresa absorve um pequeno prejuízo ao vender o console pelos valores estipulados em todos os mercados, como US$ 499 nos Estados Unidos e R$ 4.699 no Brasil.

Falando durante uma apresentação de resultados do grupo Sony, o presidente e CEO da SIE, Jim Ryan, disse que o custo de fabricação do PS5 atingirá o equilíbrio com ao preço médio do varejo em junho e então se tornará lucrativo nos meses seguintes.

“Tenho o prazer de dizer que a edição padrão do PS5 terá um ponto de equilíbrio com a produção no próximo mês. E a partir de então, projetamos que gradualmente se tornará cada vez mais lucrativo”, disse Ryan.

Durante uma sessão de perguntas e respostas após sua apresentação, Ryan disse que “no momento, a edição padrão representa a grande maioria das vendas do PlayStation 5″, mas não forneceu números comparativos entre os modelos com e sem disco.

“Não vemos essa proporção mudando muito no FY21 [o atual ano comercial que termina em março de 2022], mas prevemos que com o passar do tempo, à medida que avançamos no ciclo do PS5, haverá um ligeiro aumento na proporção de a edição digital, mas não significativa”, acrescentou o executivo.

Ryan também disse que a importância dos consoles no modelo de negócios do PlayStation está diminuindo, já que software, serviços e periféricos agora respondem pela grande maioria do faturamento da SIE. Os consoles representaram apenas 20% da receita da empresa no FY20, em comparação com 48% no FY13.

O modelo de negócios conhecido como “barbeadores e lâminas” é seguido pelos fabricantes de consoles há décadas nos estágios iniciais de um ciclo de hardware, quando os aparelhos são vendidos com prejuízo, mas o dinheiro é recuperado com a venda de software e serviços. No caso do PS5, o hardware passará a ser lucrativo menos de um ano após o lançamento.

A Microsoft, por sua vez, afirmou recentemente que nunca teve lucro com a venda de um console Xbox.

Na mesma apresentação, a Sony revelou planos para lançar jogos do PlayStation em celulares e uma versão para PC de Uncharted 4.

O post Sony começará a lucrar com venda do PlayStation 5 após junho apareceu primeiro em Outer Space.

Últimas