Música Taylor Swift, Dua Lipa e Beyoncé são favoritas em noite de Grammy

Taylor Swift, Dua Lipa e Beyoncé são favoritas em noite de Grammy

Como a lista de candidatos ao prêmio principal —de álbum do ano— é bastante diversificada, esta pode ser a noite de qualquer um

Reuters - Entretenimento
Beyoncé lidera lista de indicações ao principal prêmio da indústria da música norte-americana

Beyoncé lidera lista de indicações ao principal prêmio da indústria da música norte-americana

Divulgação

Taylor Swift, Beyoncé e Dua Lipa são as grandes favoritas para vencer algumas das principais categorias dos Grammy Awards neste domingo (14), ocasião em que a indústria da música espera deixar a pandemia para trás. Como a lista de candidatos ao prêmio principal, que é de álbum do ano— é bastante diversificada, esta pode ser a noite de qualquer um.

"As indicações foram bastante surpreendentes —The Weeknd não sendo indicado, por exemplo. Este será um ano muito difícil de se tentar prever algo", disse Melinda Newman, editora executiva da Billboard. "Acho que neste ano ninguém irá dominar e vencer a maioria dos prêmios", acrescentou.

Os vencedores são escolhidos por cerca de 11 mil membros votantes da Recording Academy. O presidente interino da instituição, Harvey Mason Jr, disse esperar que a cerimônia represente "uma chance de termos um pouco de normalidade, ver pessoas se reunindo e tocando música".

Beyoncé, agora a artista feminina mais indicada na história do Grammy, com 79 indicações ao longo da carreira, lidera com nove indicações. Músicas como o single Black Parade, que celebrou a cultura negra em um ano de turbulência racial nos Estados Unidos, estão em alta entre os jurados.

Mas Beyoncé não está na lista de músicos que se apresentarão ao longo da cerimônia de três horas neste domingo, que consistirá em uma mescla de performances ao vivo e pré-gravadas de nomes como Taylor Swift, a banda de K-Pop BTS, a estreante Megan Thee Stallion, além de Billie Eilish, Harry Styles, a estrela latina Bad Bunny e o cantor country negro Mickey Guyton.

Tanto Taylor Swift como a cantora pop britânica Dua Lipa receberam seis indicações cada, junto com o rapper Roddy Ricch. Lipa, com o álbum Future Nostalgia, tem a vantagem de ser a única, entre Swift e Beyoncé, a receber indicações para todos os três grandes prêmios —álbum, gravação e música do ano.

"Dua Lipa esteve em todos os lugares no ano passado. É realmente um grande revival da happy dance disco", disse Alex Suskind, editor sênior da revista Entertainment Weekly. Suskind disse que acha que Swift, que recebeu as melhores críticas da carreira com o álbum Folklore, tem maior chance de ganhar o prêmio de canção do ano, com a faixa Cardigan.

Billie Eilish, de 19 anos e que roubou a cena no Grammy de 2020 com o álbum de estreia, está de volta com três indicações para a balada Everything I Wanted e uma para a música-tema que compôs para o próximo filme de James Bond 007 - Sem Tempo Para Morrer.

"Acho que a grande fase de Billie Eilish em Grammys irá continuar", disse Suskind. A boy band sul-coreana BTS chegou com força nos Estados Unidos ao garantir sua primeira indicação ao Grammy com o sucesso Dynamite, cantado em inglês.

Eles se apresentarão no Grammy por vídeo neste domingo e esperam uma vitória na disputada categoria de melhor dupla ou grupo pop. “Nós estamos vendo esses artistas incríveis vindos da Coreia e não parece que está acabando. É música pop realmente divertida”, disse Newman.

Últimas