Vagalume Advogado de Britney Spears acusa pai da cantora de pedir US$ 2 milhões para deixar tutela

Advogado de Britney Spears acusa pai da cantora de pedir US$ 2 milhões para deixar tutela

"Britney não será extorquida", afirmou o representante legal da Princesa do Pop em documentos entregues à justiça

Vagalume
Vagalume

Vagalume

Vagalume

O advogado de Britney Spears está acusando o pai da artista, Jamie Spears, de tentar extorqui-la em troca de sua renúncia ao cargo de tutor. Mathew Rosengart, que assumiu o caso da Princesa do Pop em julho deste ano, entrou com uma ação na justiça, na segunda-feira (30), afirmando que Jamie está pedindo um valor de US$ 2 milhões (aproximadamente R$ 10,3 milhões na cotação do dia) relacionados a honorários de advogados e outros gastos, incluindo pagamentos para si mesmo.

Jamie Spears havia concordado em deixar de ser o tutor da cantora no começo de agosto, alegando que uma briga pública com sua filha não era de seu interesse. No entanto, de acordo com a Variety, ele não forneceu um cronograma para sua renúncia e estaria utilizando esta brecha para uma negociação.

Nos documentos, o advogado de Britney afirma que não irá negociar e que espera que a juíza responsável pelo caso, Brenda Penny, ordene a remoção de Jamie do cargo na próxima audiência, no dia 29 de setembro. "Britney Spears não será extorquida. A tentativa óbvia de Jamie Spears de negociar sua suspensão e remoção em troca de aproximadamente US$ 2 milhões em pagamentos, além dos milhões já colhidos do espólio de Britney Spears por ele e seus associados, é um fracasso", escreveu Rosengart.

"Tendo finalmente reconhecido que seu tempo como tutor deveria acabar, o Sr. Spears é obrigado a renunciar sem condições e sem buscar arrancar mais nada de sua filha,” acrescentou o advogado que, anteriormente, já havia acusado Jamie de enriquecer às custas dos bens de Britney e de "esbanjar" sua fortuna.

Fonte: Vagalume

Últimas