Baixista do Maroon 5, Mickey Madden, é preso após ser acusado de violência doméstica

Músico responderá a acusação em liberdade, após pagar fiança de 50 mil dólares

Vagalume

Vagalume

Vagalume

O baixista e um dos fundadores do Maroon 5, Mickey Madden, foi preso em Los Angeles por violência doméstica.

De acordo com um artigo publicado pelo Page Six nesta terça-feira (30), o músico, que não é casado, foi detido no último sábado, após ter sido acusado de "infligir uma lesão traumática a uma cônjuge ou alguém com quem divide residência". A identidade da vítima não foi revelada.

Madden foi liberado no mesmo dia após pagar fiança de 50 mil dólares para responder em liberdade. O baixista deverá se apresentar no tribunal no dia 29 de setembro.

Ainda segundo o periódico, o Maroon 5 se pronunciou sobre o caso por meio de sua assessoria: "Estamos profundamente devastados com esta notícia decepcionante. Conforme sabemos mais sobre o caso, encaramos isso com muita seriedade. Por enquanto, estamos permitindo que todos os indivíduos envolvidos tenham espaço para esclarecer as coisas".

Mickey Madden já havia sido preso em 2016 por posse de cocaína. Na época, o músico fez um acordo para liberdade condicional, em troca de um dia de serviço comunitário em Los Angeles.

Fonte: Vagalume