Vagalume CeeLo Green critica conteúdo sexual em letras, citando Nicki Minaj, Cardi B e Megan Thee Stallion

CeeLo Green critica conteúdo sexual em letras, citando Nicki Minaj, Cardi B e Megan Thee Stallion

Segundo o cantor, a música se tornou algo "sem vergonha" e de "pura selvageria"

Vagalume
Vagalume

Vagalume

Vagalume

Em uma recente entrevista, CeeLo Green resolveu questionar o conteúdo de algumas mulheres no mundo do rap. O cantor conversou com a revista Far Out e criticou o excesso de sexualização presentes nas letras, citando como exemplos Nicki Minaj e também Cardi B e Megan Thee Stallion, principalmente após o lançamento da colaboração entre as duas, no single "Wap".

Segundo o ele, a disputa pelo sucesso tornou o conteúdo musical atual em algo vergonhoso e de "pura selvageria". "Muitas músicas hoje são lamentáveis e decepcionantes em nível pessoal e moral. Houve uma época em que éramos experientes o suficiente para codificar certas coisas. Poderíamos nos expressar com aqueles que se interessavam pelo nosso estilo de linguagem. Mas agora a música é sem vergonha, é pura selvageria", disse.

O cantor também acredita que há um "momento e um lugar certo" para explorar esse tipo de conteúdo "adulto" na música, e reflete sobre o tipo de exemplo que alguns artistas dão ao público. "Você tem as 'Chefes de Estado', como a Nicki Minaj ou alguém que está no topo: com sucesso, visibilidade e uma plataforma para influenciar. A Nicki poderia ser eficaz de muitas outras maneiras construtivas, mas parece desesperada".

"A atenção também é uma droga e a competição existe. Cardi B e Megan Thee Stallion, todas elas estão mais ou menos fazendo gestos lascivos e semelhantes para ficar em destaque. Eu entendo, a mulher independente e no controle, a feminilidade divina e a expressão sexual. Eu entendo tudo. Mas isso vem a que custo?", acrescentou.

Fonte: Vagalume

Últimas