Metallica: Lars Ulrich fala sobre a possibilidade de shows no Brasil serem adiados novamente

Baterista disse que há uma "chance significativa" das novas datas não acontecerem em 2020

Vagalume

Vagalume

Vagalume

O baterista do Metallica, Lars Ulrich, deu uma entrevista nesta quarta-feira (29) e falou sobre a possibilidade da banda não realizar mais shows em 2020.

Durante uma conversa com Marc Benioff, CEO da Salesforce, Lars mencionou alguns projetos do Metallica e explicou as incertezas que giram em torno das datas de turnê que foram remarcadas por conta da pandemia mundial do coronavírus, incluindo a passagem pelo Brasil, agendada agora para o segundo semestre.

"Eu deveria estar no Brasil esta semana, fazendo shows pela América Latina. Todos foram remarcados. Nós deveríamos tocar em festivais por toda a América do Norte em maio. Todos os shows foram adiados. Mas agora, um desses que foram transferidos para setembro e outubro foi cancelado na semana passada, o de Kentucky. E tudo o que eu tenho a dizer, enquanto estamos sentados aqui, é que não sei o que será dessas datas remarcadas", explicou ele.

"Eu espero, obviamente, que possamos sair para tocar e nos conectar, e que possamos unir as pessoas nessas situações através da música, mas você e eu sabemos, e todo mundo que está escutando e assistindo sabe que há uma chance significativa de nenhuma dessas datas acontecerem, porque a ideia de juntar milhares de pessoas em um local de show talvez não seja o ideal para a saúde e a segurança de todos em 2020", acrescentou.

O Metallica tem quatro shows marcados para dezembro no Brasil, que inicialmente aconteceriam neste mês de abril. A banda está agendada para se apresentar em Porto Alegre (dia 14/12), Curitiba (dia 16/12), São Paulo (dia 18/12) e Belo Horizonte (dia 20/12).

Clique para ver no Vagalume

Fonte: Vagalume