No Dia da Mulher, Sabrina Sato estreia no comando do ‘Domingo Show’

Com dor no coração, Sabrina Sato terá de deixar a pequena Zoe para retomar seu trabalho, que agora chega a uma nova fase. Ela começa, a partir de hoje, a comandar o programa Domingo Show, da Record TV, que vai ao ar. Para falar sobre a atração, a apresentadora respondeu algumas perguntas do jornal O Estado de S. Paulo, por Email.

O que o público verá no programa com você no comando?

Vai ser totalmente diferente do meu programa anterior. O domingo é da família. É nesse dia que nos permitimos ficar jogados no sofá com as pessoas que amamos, assistindo à televisão. Teremos um game em formato de reality que trouxemos do Japão, o Made in Japão, no qual dez celebridades vão concorrer a meio milhão de reais. O programa vai ser divertido. Vai ter humor, romance, histórias.

Haverá convidados, entrevistas, brincadeiras?

Teremos convidados e formatos criados pela minha produção da Record. Um deles é o Lindos e Casados, em que casais terão que cumprir um contrato bem diferente, que inclui desde o vestido ser escolhido pela sogra até uma transformação radical de visual, ficando os noivos 30 dias longe um do outro. Tudo para ganhar o casamento dos sonhos!

Estrear no Dia da Mulher, bela escolha, não? Isso dá mais força para o programa? Que significado tem essa data para você?

Foi a melhor escolha. Vai ser o super domingo da Record! Eu considero perfeito estrear no Dia da Mulher, porque mulheres são as minhas referências e inspirações. E ainda é o dia em que a rainha da TV, nossa querida Hebe Camargo, faria aniversário.

Acha esse seu jeito descontraído e divertido um ponto positivo para você? É isso que te aproxima tanto do público?

Obrigada! Eu sempre me divirto demais da conta. No palco, nas externas, com as histórias das pessoas… Acho que o que mais me aproxima do público é gostar dele. E o público vai ser protagonista do Domingo Show. Eu gosto de gente, gosto de conhecer pessoas, de me jogar. Gosto de estar junto e de ver o outro brilhar.

Você opinou sobre os quadros do programa? Como?

Claro! A criação do programa e a escolha dos formatos é feita em equipe. Eu participo de tudo no programa e na minha carreira. E pergunto a opinião de todos, incluindo minha família, também.

Como vai conciliar as gravações com o cuidar de sua filha?

O coração de mãe naturalmente cria esse espaço e não deixa que o trabalho tome conta dele. Tive essa certeza nos últimos meses, quando precisei conciliar gravações, carnaval e outros compromissos. Mas os momentos com a minha filha são sagrados e nunca vou abrir mão disso.

Tem outros projetos para este ano? Cinema, TV, teatro?

Tenho uma série que vai estrear na Netflix, várias ideias legais para o meu canal no YouTube e muitas outras novidades ainda em forma de ideias na minha cabeça, que não para um minuto sequer.