Otávio Mesquita diz que ainda não acredita no que aconteceu a Gugu

Amigos, familiares e fãs vão à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, onde acontece velório de Gugu Liberato, para prestar as últimas homenagens

Otávio Mesquita foi prestar últimas homenagens a Gugu

Otávio Mesquita foi prestar últimas homenagens a Gugu

Plínio Aguiar/R7

O apresentador Otávio Mesquita disse que "não acredita até agora no que está acontecendo", durante o velório de Gugu Liberato, que acontece na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo).

Acompanhe em tempo real a despedida de Gugu Liberato

"Eu devo muito a ele. Ele brincou uma vez comigo dizendo que eu ia ser o Guguzinho", lembra Mesquita. O apresentador foi prestar as últimas homenagens e se despedir de Gugu na tarde desta quinta-feira (28).

Mesquita disse que Gugu o ajuda muito também em questões pessoais. "Uma vez me ligou, perguntou o que estava acontecendo sobre um relacionamento meu. Ele era amigo em qualquer hora", lembra.

O velório do apresentador acontece na Alesp até às 10h desta sexta-feira (29), quando o corpo seguirá para o cemitério Gethsêmani, no Morumbi, onde a família tem um jazigo.

Gugu sofreu um acidente em sua casa em Orlando, nos Estados Unidos, no último dia 20. Ele caiu quando fazia reparo no ar-condicionado e bateu a cabeça na quina de um móvel. O apresentador teve a morte cerebral decretada na sexta-feira (22), aos 60 anos.

O corpo do apresentador chegou na manhã desta quinta-feira (28) no aéroporto de Viracopos, em Campinas, e seguiu direto para a Alesp.