Ônibus de Na Natureza Selvagem vira ponto turístico e causa afogamentos e morte

Após filme de Sean Penn, fãs arriscam a vida em trajeto perigoso até o local

Desde que Emile Hirsch interpretou McCandless no cinema, fãs tentam reviver as perigosas aventuras no Alasca

Desde que Emile Hirsch interpretou McCandless no cinema, fãs tentam reviver as perigosas aventuras no Alasca

Divulgação

O ônibus em que morreu Chris McCandless, interpretado por Emile Hirsch no filme Na Natureza Selvagem, está dando trabalho aos moradores da cidadezinha de Healy, no Alasca. De acordo com o jornal The Guardian, o veículo atrai fãs do filme desde que este foi lançado, e os visitantes arriscam a vida em um trajeto perigoso para chegar ao local.

Só em 2013, doze pessoas precisaram ser resgatadas após se perderem na mata. Uma turista da Suíça, de 24 anos, morreu afogada no rio Teklanika, e centenas de pessoas arriscam a vida se aventurando até o famoso ônibus, desde 2007, ano em que o filme Na Natureza Selvagem, de Sean Penn, foi lançado.

Muitos fãs do filme tentam reviver as aventuras de McCandless, acampando ao lado do ônibus e se privando de comida. O dono de uma lanchonete contou ao The Guardian que socorreu um rapaz que havia passado uma ou duas semanas ao lado do ônibus, sem comer, e chegou à loja já cambaleando, sem conseguir se manter de pé.

A população local se divide. Há quem acredite que o ônibus deva ser retirado dali, e quem peça que o governo construa uma ponte para que turistas cheguem do outro lado do rio em segurança. 

McCandless morreu no ônibus em 1992, após doar todo o seu dinheiro para a caridade e partir em uma jornada pela natureza.

Leia também

Escadarias do Rocky e o acampamento de Sexta-Feira 13: conheça os lugares que viraram cenário de filme

Maduro e cheio de tensão, Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 1 é um dos filmes mais empolgantes de 2014