Keila Jimenez Após polêmicas e suspensão, Globo demite repórter Cartolouco

Após polêmicas e suspensão, Globo demite repórter Cartolouco

Lucas Strabko foi dispensado pela emissora após muitas confusões com torcedores, e brincadeiras consideradas de mau gosto 

  • Keila Jimenez | Do R7

Lucas, o Cartolouco, em uma das confusões com torcedores

Lucas, o Cartolouco, em uma das confusões com torcedores

Reprodução

Lucas Strabko, mais conhecido como Cartolouco, foi dispensado pela Globo.

Durante a sua passagem pela emissora, Cartolouco arrumou muia confusão.

A mais recente foi uma guerrinha de álcool em gel , na redação do Sportv, em fevereiro. Lucas e um amigo protagonizou a brincadeira ao vivo, no fundo de um link de Fabíola Andrade. A molecagem rendeu bronca e suspensão aos envolvidos.

Mas não foi esse o único problema do repórter na emissora.

Em dezembro de 2018, ele se enrolou ao ofender publicamente o Fortaleza Esporte Clube. Cartolouco surgiu em um vídeo na ocasião, no Estádio Castelão, fazendo a festa com a torcida do Ceará, depois de uma partida contra o Vasco pela rodada final do Brasileirão.

“O Ceará tem dono, filho. Fortaleza é pequenininho”, disse Lucas no vídeo, o que teria irritado torcedores e dirigentes do Fortaleza, uma vez que ele trabalhava cobrindo futebol na Globo.

 O presidente do Fortaleza na época, Marcelo Paz, disse não ter achado correta a postura dele e até ameaçou processar Lucas.

Em julho de 2018, ele já havia aprontado. Cartolouco foi expulso da arquibancada do Maracanã durante uma partida entre Fluminense e Palmeiras – onde quase foi agredido. Torcedores do Fluminense queriam acertar as contas com o repórter após ele ter feito brincadeiras tirando onda do time.

Últimas