Viagens Turismo no Pantanal: saiba tudo sobre esse destino fantástico

Turismo no Pantanal: saiba tudo sobre esse destino fantástico

Seja pelas belezas naturais, seja pela aventura, o Pantanal é o destino certo para férias inesquecíveis. Quer conhecer esse paraíso brasileiro? Veja nossas dicas!

Região é uma das maiores riquezas naturais do Brasil

Região é uma das maiores riquezas naturais do Brasil

Danilo Borges/MTur

Programar uma viagem é sempre um evento. Você tem que reservar algumas horas para pesquisar, correr atrás de informações importantes, peneirar conteúdos relevantes em meio a milhares de sugestões de matérias que os buscadores dão… Enfim, essa etapa de preparo exige muito tempo e dedicação de todos nós.

E quando estamos falando de uma viagem para o Pantanal, a maior planície alagada do mundo, isso pode ficar ainda mais complexo e desafiador. Afinal, quem gosta de viajar para fazer ecoturismo sabe que organização é imprescindível por muitos fatores.

O Pantanal é o lugar perfeito para quem ama passeios a cavalo, adora explorar a fauna e a flora, gosta de experimentar novos sabores, quer registrar belas fotografias das paisagens ou dos animais, como a famosa onça pintada e, sobretudo, preza pela hospitalidade e bom tratamento dos anfitriões.

Pensando nisso, preparamos para você esse artigo informativo com praticamente todas as dicas e curiosidades que você deve saber sobre essa região maravilhosa de nosso país. A nossa intenção é trazer a maior quantidade de informações úteis para que você possa economizar o seu tempo de pesquisa e aproveitar a sua viagem da melhor forma.

Pantanal: uma região, três países
Sem a menor dúvida, o Pantanal é uma das maiores riquezas naturais do Brasil. E um dos maiores orgulhos nacionais também. Um lugar com uma biodiversidade impossível de ser descrita exatamente por ser tão ampla quanto bela.

Para começo de conversa, estamos falando de uma das maiores planícies alagadas da Terra, isso se não for a maior. São cerca de 195 mil quilômetros quadrados que se distribuem em áreas de vegetação estépica.

Muitos acham, no entanto, que o Pantanal é uma região exclusivamente brasileira. E essa impressão está equivocada. Na realidade, o Complexo do Pantanal é tão grande que abrange 3 países latino-americanos: o Brasil, a Bolívia e o Paraguai.

Em nosso país, a região é situada em dois estados e repartida em 6 microrregiões, sendo três para cada um dos dois estados. Entenda abaixo como funciona: Mato Grosso: Cáceres, Poconé e Barão de Melgaço (Pantanal Norte); Mato Grosso do Sul: Miranda, Aquidauana e Corumbá (Pantanal Sul).

Qual é a diferença entre o Pantanal Sul e o Pantanal Norte?
Os pantanais dentro do Pantanal são um show à parte. Cada uma dessas microrregiões oferece seus próprios atrativos turísticos e ecossistemas, como fauna e flora bem desenhadas e diversificadas, e é recomendada para tipos de públicos diferentes.

Danilo Borges/MTur

Isso vai depender única e exclusivamente dos objetivos de cada pessoa. Por exemplo, se você estiver querendo descobrir as possibilidades gastronômicas de uma determinada região ou se quer explorar a biodiversidade de uma microrregião.

Como é o bioma do Pantanal?
O bioma do Pantanal é tão rico e complexo que passou a ser considerado Patrimônio Natural Mundial pela UNESCO há alguns anos. O ecossistema conta com uma biodiversidade de animais e vegetais impressionante. Alguns animais, inclusive, viraram símbolos da região, como o jacaré, a onça pintada, a sucuri e a anta.

Apesar disso, o ecoturismo feito no Pantanal é explorado mais por pessoas estrangeiras do que pelos próprios brasileiros. Isso porque há pouco incentivo e divulgação de turismo nacional para a região, que acaba se tornando mais atrativa para quem mora em outros países. Já passou da hora de mudarmos essa realidade, não acha?

Se você gosta de ver e conhecer animais, esse é o destino certo para você. E se está precisando daquela ajuda para economizar, utilize o cupom Maxmilhas para comprar a passagem com os melhores preços.

Quais cidades visitar no Pantanal e quais seus principais pontos turísticos?
Existem centenas de localidades com belezas naturais riquíssimas e interessantes para se conhecer no Pantanal. Mas como não dá para falar de cada uma delas aqui, iremos destacar apenas algumas com seus principais pontos de destaque. Veja abaixo:

Cáceres:
 - Sede do campeonato mundial do Festival Internacional de Pesca (FIP);
 - Lagoa da Água Misteriosa;
 - Cachoeira do Piraputanga;
 - Lagoa Mandioré;
 - Gruta Quilombo;

Corumbá:
- Conhecida como capital do Pantanal;
- Festival América do Sul;
- Festival Latino Americano de Arte e Cultura;
- Visitação em sítios arqueológicos;
- Parque Zumbi dos Palmares;
- Ecoparque Cacimba da Saúde;

Três Lagoas:
- Balneário Municipal;
- Lagoa Maior;
- Casa do artesão;
- Relógio Central;

Miranda:
- Centro histórico (arquitetura do início do século XX);
- Cavalgadas, trilhas, safáris e passeios noturnos;
- Fazenda Refúgio Ecológico Caiaman;

Aquidauana:
- Parques naturais, como Pirizal, João Dias e Lagoa Comprida;
- Aldeias indígenas;
- Produtos artesanais indígenas;

Bonito:
- Gruta do Lago Azul;
- Banho de cachoeira;
- Descidas em rapel ou em tirolesa;

Agora que você conheceu alguns dos principais destinos e seus pontos turísticos, utilize o código promocional Booking e o cupom de desconto Hoteis.com para encontrar as melhores hospedagens com benefícios e promoções.

Quais são as comidas típicas do Pantanal?
A gastronomia do Pantanal dá um outro show aos visitantes. E tem opções para todos os públicos e gostos. Os peixes pacu, pintado e o dourado podem ser fritos, cozidos ou assados.

O churrasco pantaneiro, o caldo de piranha, o macarrão de comitiva, o milk shake de bocaiúva, a paçoca de carne seca, a sopa paraguaia, o arroz carreteiro, o tereré e a carne de jacaré são alguns dos vários pratos típicos da região. Verdadeiras delícias da culinária pantaneira.

Qual a melhor época do ano para ir ao Pantanal?
Com tantos biomas e tanta biodiversidade, o Pantanal apresenta um clima com altas temperaturas que cobrem todos os 12 meses.

A média fica em torno de 24ºC durante todo o ano. Um dado importante é que durante o verão as chuvas são maiores e mais constantes do que no inverno. Se entre outubro e março você pode esperar bastante chuva, entre abril e setembro, você vai pegar o tempo mais seco.

Danilo Borges/MTur

Digamos que essa seja a melhor época para fazer turismo no Pantanal (entre julho e outubro), pois é uma temporada de seca e de clima mais ameno. Nessa época do ano, você irá se locomover com maior facilidade e também poderá observar os animais com mais tranquilidade.

Se você precisa alugar um carro para reduzir custos com passeios e traslados, aproveite os benefícios do cupom Rentcars para alugar seu carro com economia.

Agora que o destino está escolhido, é só fazer as malas para conhecer um dos lugares mais bonitos do mundo. Vai ficar de fora dessa?

Últimas