Entretenimento Vocalista do Gang of Youths se abre sobre dor por morte do pai em novo álbum

Vocalista do Gang of Youths se abre sobre dor por morte do pai em novo álbum

MUSICA-GANG-OF-YOUTHS:Vocalista do Gang of Youths se abre sobre dor por morte do pai em novo álbum

Reuters - Entretenimento

LONDRES (Reuters) - Foi enquanto escrevia seu novo álbum que Dave Le'aupepe, vocalista do Gang of Youths, descobriu alguns segredos sobre seu falecido pai.

Sua dor e algumas dessas revelações fluíram em "Angel in Realtime" -- o terceiro disco de sua banda de rock australiana, lançado nesta sexta-feira.

Le'aupepe diz que começou a escrever o disco em 2017, quando se mudou para Londres.

"Eu sabia que ia escrever sobre meu pai porque acho que tinha a sensação de que meu pai iria morrer, porque ele estava doente e ficando muito velho", afirmou Le'aupepe à Reuters.

Depois que seu pai, Teleso "Tattersall" Le'aupepe, faleceu no ano seguinte, as revelações começaram a fluir.

Ele descobriu que Le'aupepe pai havia nascido em Samoa, não na Nova Zelândia, como lhe disseram.

"Não é uma história única em famílias indígenas ou negras... É um traço comum em todas as famílias... pessoas dando as costas ao que eram para se tornarem o que querem ser. E esse era meu pai", disse Le'aupepe.

O pai do músico também era 10 anos mais velho do que o cantor pensava e tinha outros dois filhos que achavam que o pai havia morrido anos antes.

Uma das faixas, "The Man Himself", inclui os pensamentos de Le'aupepe sobre criar uma família sem seu pai e "mistura com as revelações".

Além de homenagear o pai, Le'aupepe também disse que queria "falar um pouco sobre minha herança cultural".

(Reportagem de Sarah Mills)

Últimas