Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Britney Spears mostra convite que recebeu do Congresso dos EUA para contar sua história

Cantora foi convidada à Casa Branca para compartilhar o que viveu durante os 13 anos sob a tutela de seu pai

Vagalume|

Vagalume
Vagalume Vagalume

Britney Spears compartilhou com os fãs um convite que recebeu do Congresso dos EUA há alguns meses para que ela fosse até a Casa Branca contar sua história e falar sobre o que passou durante os 13 anos sob a tutela de seu pai, Jamie Spears.

A carta, endereçada também ao advogado da Princesa do Pop, Matthew Rosengart, parabeniza os dois pela vitória na justiça e fala sobre a importância de ter trazido determinadas questões envolvendo a tutela a público.

"Não é preciso dizer que temos acompanhado de perto a sua tutela e que estamos felizes por você ter conseguido remover seu pai como tutor de anos em setembro e finalmente ter encerrado por completo a sua tutela em novembro. Sua jornada rumo à justiça inspirará e capacitará muitos outros que são indevidamente silenciados pelo processo de tutela", diz parte do texto.

“Muitas questões que são corriqueiras no processo de custódia e tutela foram trazidas à tona. Especialmente preocupante foi a notícia de que, durante anos, você não conseguiu contratar seu próprio advogado para representar seus interesses pessoais e financeiros. Outras questões relacionadas à petição inicial, a eventual permanência da tutela, e ser forçada a se envolver em um emprego contra sua vontade, são igualmente preocupantes", continua a carta, convidando a artista para contar sua história e inspirar mais pessoas a lutar pelos seus direitos.

Publicidade

Na legenda de sua publicação, Britney Spears falou sobre o convite. "Recebi esta carta há meses, um convite para compartilhar minha história. Fiquei imediatamente lisonjeada e, na época, eu não estava nem perto do estágio de cura em que estou agora", escreveu ela.

"Primeiro: Estou grata por minha história ter sido reconhecida! Por causa desta carta, eu me senti ouvida e importante pela primeira vez na vida! Em um mundo onde sua própria família fica contra você, é realmente difícil encontrar pessoas que entendam e demonstrem empatia! Mais uma vez, não estou aqui para ser uma vítima, embora eu seja a primeira a admitir que estou muito abalada com tudo isso... quero ajudar os outros em situações vulneráveis, encarar a vida e ser corajoso. Eu queria ter sido", continuou ela.

Publicidade

"Eu estava com tanto medo e nada é pior do que sua própria família fazendo o que fizeram comigo... Tenho sorte de ter um pequeno círculo de amigos adoráveis com quem posso contar... Enquanto isso, obrigado ao Congresso por me convidar para a Casa Branca", acrescentou.

Clique para ver no Vagalume

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.