Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Música
Publicidade

Glass Animals está de volta com "Creatures in Heaven". Ouça o single com a letra e tradução!

"I LOVE YOU SO F***ING MUCH" sai em julho

Vagalume

Vagalume|Do R7

Vagalume
Vagalume Vagalume (Vagalume)

Quatro anos depois de "Dreamland", os ingleses do Glass Animals se preparam para lançar seu quarto álbum de estúdio. A banda liderada pelo multi-instrumentista e produtor Dave Bayley vai lançar "I LOVE YOU SO F***ING MUCH" no dia 19 de julho.

Para celebrar o anúncio, o primeiro single do disco já saiu. "Creatures in Heaven", é uma balada com tinturas épicas que deverá agradar os fãs do quarteto e também quem gosta de canções pop com pegada levemente indie com boas melodia e produção.

O Glass Animals é um dos casos curiosos de sucesso desta década. "Dreamland" saiu em 2020 sendo bem recebido por público e crítica, mas sem causar muito furor. Aos poucos, "Heat Waves", o principal single do trabalho foi conquistando o seu espaço e, após dois anos, se tornou um dos maiores sucessos da história recente da música pop.

A faixa pode ter demorado para chegar ao número 1 nos EUA, mas, quando isso finalmente aconteceu, ela ficou no alto do pódio por um total de cinco semanas. O single ainda bateu o recorde de mais tempo em permanência no Hot 100 da Billboard: foram 91 semanas.

Publicidade

Ouça:

Clique para ver no Vagalume

Publicidade

Confira a letra e a tradução:

Creatures In Heaven

Publicidade

(Dave Bayley)

Three in the morning, making love

Laid on the floor of your apartment

Bird's eye view of the two of us

Face in make-up and cheap fake blood

What do you think about when you think about love?

I'm dumbstruck when you're tender, but

It's three in the morning, be in the moment

Here in the moment, free in the moment

It tears through my head, does it haunt you too?

Diamonds in the dark in your old bedroom

You held me like my mother

made me just for you

You held me so close that I brokе in two

It tears through my head, does it haunt you too?

Nеver really said that I loved you too

Lucky, lucky you 'cause I'm fortune's fool

Such small words but they hit so huge

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

We were young and so in love

We were just creatures in heaven

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

For a moment we were just

We were just creatures in heaven

Three in the morning, safe inside

Bury me here in your laundry pile, at

Three in the morning, be in the moment

Here in the moment, free in the moment

Three in the morning, over like that

Go slow-motion, cut it to black

'Cause it's merely a moment, here for a moment

Here is the moment, here for a moment

It tears through my head, does it haunt you too?

Diamonds in the dark in your old bedroom

You held me like my mother

made me just for you

Held me so close that I broke in two

It tears through my head, does it haunt you too?

Never really said that I loved you too

Lucky, lucky you 'cause I'm fortune's fool

Such small words but they hit so huge

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

We were young and so in love

We were just creatures in heaven

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

For a moment we were just

We were just creatures in heaven

I don't see the point in a subtle romance

Ten tonne heartache sitting on your back

Scared of the crack where the light comes through

I'm only really me when I'm here with you

And it gets into your head like a cosmic zoom

Coat on the door like an old space suit

So long, cowboy, you're so cool

Cash in hand with a memory of you

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

We were young and so in love

We were just creatures in heaven

I don't think I realize

Just how much I miss you sometimes

For a moment we were just

We were just creatures in heaven

Creatures in heaven

Back then we were just

Creatures in heaven

We were just creatures in heaven

Criaturas no Céu

Vagalume
Vagalume Vagalume (Vagalume)

Deitado no chão do seu apartamento

Visão aérea de nós dois

Rosto maquiado e sangue falso barato

O que você pensa quando pensa em amor?

Fico pasmo quando você é carinhosa, mas

São três da manhã, fique no momento

Aqui no momento, livre no momento

Isso destrói minha cabeça, isso assombra você também?

Diamantes na escuridão do seu antigo quarto

Você me abraçou como se minha mãe

tivesse me feito só para você

Você me abraçou tão forte que eu quebrei em dois

Isso destrói minha cabeça, isso assombra você também?

Nunca disse que eu também te amava

Sorte, sorte sua, porque eu sou uma sina amaldiçoada

Palavras tão pequenas, mas que nos pegam tão forte

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Éramos jovens e tão apaixonados

Éramos apenas criaturas no céu

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Por um momento éramos apenas

Éramos apenas criaturas no céu

Três da manhã, está seguro aqui dentro

Me enterre aqui na sua pilha de roupa suja, às

Três da manhã, fique no momento

Aqui no momento, livre no momento

Três da manhã, acabou assim

Em câmera lenta, corte para a tela preta

Porque é apenas um momento, aqui por um momento

Aqui está o momento, aqui por um momento

Isso destrói minha cabeça, isso assombra você também?

Diamantes na escuridão do seu antigo quarto

Você me abraçou como se minha mãe

tivesse me feito só para você

Você me abraçou tão forte que eu quebrei em dois

Isso destrói minha cabeça, isso assombra você também?

Nunca disse que eu também te amava

Sorte, sorte sua, porque eu sou uma sina amaldiçoada

Palavras tão pequenas, mas que nos pegam tão forte

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Éramos jovens e tão apaixonados

Éramos apenas criaturas no céu

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Por um momento éramos apenas

Éramos apenas criaturas no céu

Não vejo sentido em um romance sutil

Dor de cabeça de dez toneladas pesando nas suas costas

Com medo da fenda por onde a luz passa

Eu só sou realmente eu quando estou aqui com você

E isso entra na sua cabeça como um zoom cósmico

Casaco na porta como um traje espacial antigo

Adeus, cowboy, você era tão legal

Dinheiro na mão com uma lembrança sua

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Éramos jovens e tão apaixonados

Éramos apenas criaturas no céu

Eu não acho que percebo

O quanto eu sinto sua falta às vezes

Por um momento éramos apenas

Éramos apenas criaturas no céu

Criaturas no céu

De quando éramos apenas

Criaturas no céu

Nós éramos apenas criaturas no céu

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.