Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Música
Publicidade

Halle Bailey fala sobre ataques racistas após ser anunciada como Ariel em "A Pequena Sereia"

Cantora, da dupla Chloe & Halle, se apoiou na família em momento difícil

Vagalume

Vagalume|Do R7

Vagalume
Vagalume Vagalume

Halle Bailey, do duo Chloe & Halle, deu uma entrevista para a revista "Variety" onde falou sobre o seu papel como Ariel, no live-action de "A Pequena Sereia". A cantora contou que foi vítima de ataques racistas desde que seu nome foi anunciado para o papel principal do clássico da Disney.

Apesar dos atos covardes que sofreu, Halle mostrou muita maturidade ao falar sobre o sentimento para enfrentar isso. "Quero que a garotinha em mim e as garotinhas como eu que estão assistindo saibam que são especiais e que devem ser princesas em todos os sentidos. Não há nenhuma razão que eles não deveriam ser. Essa garantia era algo que eu precisava".

Halle Bailey se tornou apenas a segunda protagonista negra na história dos filmes do estúdio Disney. Antes dela, Anika Noni Rose dublou a personagem Tiana em "A Princesa e o Sapo", animação de 2009.

Sua irmã, Chloe, lembra que toda família deu apoio a atriz naquele momento. "É importante ter um forte sistema de apoio ao seu redor. É difícil carregar o peso do mundo sozinho".

Publicidade

Outro apoio recebido por Halle veio de seus avós, que a fizeram olhar para a situação de uma nova maneira, relembrando suas experiência, quando foram vítima de racismo. "Foi uma coisa inspiradora e bonita ouvir as palavras de encorajamento, me dizendo: ‘Você não entende o que isso está fazendo por nós, por nossa comunidade, por todas as meninas negras e pardas que vão se ver em você?".

E para completar a importância da família neste trabalho, Halle conta que a relação com o seu pai serviu de inspiração para desenvolver sua personagem. "Eu sempre falava sobre como meu pai é como um reflexo do Rei Tritão; ele sempre foi super protetor com minha irmã e eu. Essa é uma das coisas que amamos nele – o jeito que ele ama. Quando tive cenas com Javier (Bardem), tirei da minha experiência com meu próprio pai: quão profundo é esse amor e quão fortes e protetores são eles".

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.