Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Marina Diamandis revela diagnóstico de Síndrome da Fatiga Crônica

"Tem sido difícil lembrar de como é ser saudável", desabafou a cantora

Vagalume|

Vagalume
Vagalume Vagalume

Crédito foto: Marina Diamandis Instagram

Marina Diamandis usou as redes sociais para revelar que recebeu um recente diagnóstico de síndrome da fatiga crônica. A cantora se abriu sobre estar lutando contra problemas de saúde há 7 anos, sentindo-se como se estivesse "envenenada" há tanto tempo, que tem "difícil lembrar de como é ser saudável".

Ainda no post, Marina contou que se consultou com inúmeros médicos até chegar ao diagnóstico, e que tinha sintomas de fadiga profunda, dormência, confusão mental entre outros. Leia a tradução do texto abaixo:

"Eu tenho uma atualização de saúde/vida que quero compartilhar com todos vocês. Após 7 anos de problemas de saúde, recentemente fui diagnosticada com Síndrome de Fadiga Crônica.

Publicidade

Tive sintomas como fadiga profunda, dormência, formigamento, falta de apetite, confusão mental, erupções cutâneas, insônia e uma sensação de estar 'envenenado' por tanto tempo que tem sido difícil lembrar de como é ser saudável.

Minha energia básica está em 50 - 60% há muito tempo. Além de alguns períodos de remissão, os últimos 7 anos consistiram em confiar na adrenalina e na força de vontade para me impulsionar a cada dia.

Publicidade

⁣ ⁣

A recuperação começou há 2 meses, após uma crise incomum que envolveu dores agudas e sensações de queimação nas mãos, pernas e costas. Depois de consultar inúmeros médicos, comecei a trabalhar com um praticante de medicina funcional para encontrar a causa raiz dos sintomas.

Publicidade

Depois de muita pesquisa, agora entendo que esses sintomas são resultado de um sistema nervoso hipersensível, desenvolvido em resposta ao estresse crônico. ⁣Meu corpo parecia preso ao modo de 'luta ou fuga' e havia muitos sinais de alerta antes que os piores sintomas se manifestassem.

Independentemente do gatilho, a chave para a cura parece estar em retreinar o sistema nervoso para se regular novamente.⁣ A boa notícia é… (!) Estou me sentindo melhor atualmente do que há muito tempo. Meus níveis de energia estão em torno de 65 a 70% na maioria dos dias e as quedas são mais curtas.

A cura está exigindo muito da minha energia e atenção agora, mas quanto melhor eu me sentir, mais cedo poderei voltar à minha vida criativa novamente. Eu trabalhei pela primeira vez em um tempo ontem e me senti tão bem.

⁣ ⁣

Sou muito grata pelas lições que essa experiência me deu e sei que vai mudar minha vida para melhor! Sinto que tive a oportunidade de reconstruir minha vida do zero, exatamente como eu quero que seja.

⁣ ⁣

Também cultivei uma empatia mais profunda pelos milhões de pessoas que vivem silenciosamente com doenças crônicas… É difícil manter o otimismo quando o mundo parece seguir em frente sem você, mas a esperança sempre existe. As respostas sempre existem. O corpo quer se curar – e o que aprendi é que você tem que trabalhar com ele, não contra ele."

Veja o post abaixo:

Clique para ver no Vagalume

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.