Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Paul McCartney diz ter criado a "última canção dos Beatles" com ajuda da IA

Faixa será lançada no final deste ano

Vagalume|

Vagalume
Vagalume Vagalume

Paul McCartney revelou que, com a ajuda de novos softwares de áudio e da inteligência artificial conseguiu finalizar aquela que será a "última gravação dos Beatles.

Falando ao "Today", da BBC4, o músico disse que usou a IA para extrair a voz de seu antigo parceiro John Lennon (1940-1980) de uma velha demo tape para, assim, terminar a música que seu eterno parceiro começou a compor.

Segundo especulações, a demo tape em questão seria a de "Now and Then", escrita por John em 1978. Se for o caso, esta não seria a primeira vez que houve uma tentativa de transformá-la em um single.

Vagalume
Vagalume Vagalume

Em 1994, os Beatles remanescentes participaram do projeto "Anthology" que envolveu um documentário em várias partes para a televisão, e uma série de três CDs com gravações de arquivo da banda. Os dois primeiros volumes abriam com músicas construídas por McCartney, George Harrison e Ringo Starr a partir de demos deixadas por Lennon: Free As A Bird" e "Real Love".

Publicidade

"Now And Then" foi selecionada para abrir o volume três, mas foi abandonada pelos músicos, que trabalharam na ocasião com o produtor Jeff Lynne. Segundo o líder da ELO, a gravação entregue a McCartney por Yoko Ono, viúva de Lennon, trazia apenas um refrão, sem nenhum verso.

A banda criou uma faixa instrumental para acompanhá-la, mas não chegou a concluí-la, ou se concluíram não ficaram felizes com o resultado e optaram por não lançá-la comercialmente - George, morto em 2001, teria sido a voz dissidente.

Publicidade
Vagalume
Vagalume Vagalume

Há mais de uma década, Paul falou em um documentário sobre Lynne que a gravação ainda estava com o produtor e que um dia ele ainda iria se reunir com ele para concluírem a faixa.

A tecnologia que permite isolar sons com clareza de gravações foi das que mais evoluiram nos últimos anos, graças a enorme demanda por produtos do tipo, e não só pela aindústria da música - na verdade, esses programas são muito usados, e desejados, para uso em investigações policiais.

Publicidade

O documentário "Get Back", lançado no final de 2021 no Disney+, só foi possível graças a esse tipo de software. Foram eles que permitiram que McCartney pudesse trabalhar agora com a voz de Lennon sem outras interferências.

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.