Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

SZA promete edição deluxe de "SOS" com dez músicas extras

Cantora foi escolhida a "Mulher do Ano" pela Billboard

Vagalume|

Vagalume
Vagalume Vagalume

Crédito foto: Billboard

Mesmo tendo feito um disco com 23 faixas e quase 70 minutos, SZA não esgotou o material feito para o mais que bem sucedido "SOS", seu segundo trabalho de estúdio.

A cantora, que está em uma elogiada turnê pela América do Norte, irá lançar a versão deluxe do disco com nada menos que mais dez músicas. A revelação foi dada pela Billboard na matéria especial em que a celebra como a mulher do ano.

Lançado no começo de dezembro do ano passado, "SOS" se tornou um inesperado blockbuster. Desde sua chegada, ele basicamente está morando no primeiro lugar da parada de álbuns da Billboard, tendo aparecido no primeiro lugar em nove de dez semanas - ele só não foi o número 1 no começo deste mês quando deu lugar para os coreanos do Tomorrow X Together.

Publicidade
Vagalume
Vagalume Vagalume

Os número surpreendem ainda mais quando lembramos que ele ainda não saiu em vinil ou CD. Até o momento "SOS" já vendeu o equivalente a 800 mil cópias graças basicamente ás audições de suas canções nos serviços de streaming.

O texto da Billboard não diz se a edição deluxe significará também um lançamento do álbum, em formatos fisicos, mas a torcida dos colecionadores segue forte.

Publicidade

Na conversa com a revista, Solána Imani Rowe diz estar supresa com toda essa repercusssão, até porque ela não esperava que o trabalho fosse passar sequer uma semana no topo da parada.

Isso significa também se adaptar a um novo modelo, um que envolve turnês gigantescas, até aqui ela sempre deu prefrência a shows mais intimistas, e o de ver o seu nome sendo citado junto com o de outras estrelas do pop, artistas que, até recentemente, estavam em um patamar que lhe parecia inalcançável.

Publicidade
Vagalume
Vagalume Vagalume

Outro trecho divertido é onde a cantora revela que "Kill Bill", o maior sucesso do disco, foi uma das faixas mais rápidas e desencanadas gravadas para "SOS". "Isso sempre acontece com uma canção pela qual eu não dei a mínima e não com aquelas onde eu coloco um esforço enorme. " 'Kill Bill' foi superfácil: um take em uma noite", revelou.

Ciente de que "grandes poderes trazem grandes responsabilidadfes", SZA também quer aproveitar esse momento, e honrarias como a de ser escolhida a "mulher do ano", para fazer algo de positivo.

"Eu realmente quero fazer algo para aproveitar esse meu momento no sol. Há muitas coisas que quero fazer para as pessoas. Eu preciso fazer algo para merecer isso tudo que está me acontecendo de uma maneira que não tenha nada a ver comigo, algo que seja altruísta e eleve outras mulheres, ou melhor. pessoas (a um nível maior). Sinto que devo a todos muito mais do que apenas sorrir, subir no palco e acenar."

Fonte: Vagalume

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.