Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Blog da Fabíola Reipert
Publicidade

Alok chora ao contar como pai fugiu de ataque em festival de Israel

"Tudo que eu quero agora é acolher ele", declarou o DJ

Fabíola Reipert|Do R7

Após rumores de que o pai de Alok, Juarez Petrillo, estava envolvido na organização de um festival de música eletrônica atingido pelos ataques do grupo Hamas em Israel, o DJ se pronunciou pelas redes sociais. Segundo ele, Petrillo estava prestes a se apresentar no evento quando o bombardeio começou: “Todo mundo saiu correndo, meu pai também”, explicou o DJ.

Alok se emocionou e contou, ainda, que o pai conseguiu se esconder em um bunker. “Tudo que eu quero agora é acolher ele”, disse o artista, lamentando as mortes do conflito.

Segundo Fabíola, Alok descobriu pela internet que o pai estava tocando no festival e que os dois não têm muito convívio, já que Juarez viaja muito em função do trabalho.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.