Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Cleber Machado deixa o esporte do Grupo Globo após 35 anos

Flavio Ricco|Do R7 e Flavio Ricco

Cleber Machado
Cleber Machado Cleber Machado

Em sequência ao processo de reestruturação em todos os seus departamentos, a Globo dispensou hoje um dos seus principais narradores, Cleber Machado. As baixas no Departamento de Esportes, como se sabe, estão acontecendo com muita frequência. São inúmeros os casos nos últimos anos, seguidos da perda de direitos esportivos.

A emissora confirmou oficialmente a saída de Cleber à coluna.

O locutor esportivo Cléber Machado começou a trabalhar na Globo em 1988. Participou da implantação da antiga TV Vale do Paraíba — hoje TV Vanguarda, afiliada da Rede Globo em São José dos Campos.

Na época, ele se dividia entre os blocos locais do “Globo Esporte” e do “Esporte Espetacular” de São Paulo.

Publicidade

Iniciou a narração de partidas de futebol na Globo em 1989, transmitindo um jogo da Copa do Brasil em que o Corinthians venceu o Tiradentes de Brasília por 5 a 0.

Depois, fez um amistoso entre Uruguai e Inglaterra, numa quarta-feira à tarde, um pouco antes da Copa. Ganhou um lugar no time da Copa, narrando a competição de 1990. Cleber e Oliveira Andrade ficaram no Brasil, e Galvão Bueno foi à Itália.

Publicidade

Também nessa época, Cleber narrou pela primeira vez uma corrida de Fórmula 1, um Grande Prêmio do México, disputado no circuito Hermanos Rodríguez. Mudou-se para a capital em 1991, para trabalhar na redação da Globo São Paulo. Foi apresentador do “Globo Esporte" até 1996, quando passou a fazer o bloco de Esporte nas duas edições do “SPTV” e no “Jornal da Globo”.

Participou pela primeira vez de uma cobertura de Jogos Olímpicos em 1992. Na ocasião, integrou a equipe enviada pela Globo à Espanha. Narrou diversas modalidades, como basquete, vôlei, atletismo e boxe.

Publicidade

Em 2003, estreou como apresentador do “Arena”, do SporTV. Nos anos seguintes, venceria três vezes o prêmio Comunique-se de melhor narrador esportivo — ano sim, ano não: em 2004, 2006 e 2008.

Além das transmissões esportivas, desde 1999 ele começou a participar também da cobertura do Carnaval. De 2002 a 2009, narrou o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro, primeiro ao lado de Maria Beltrão, depois, com Glenda Koslowski. A partir de 2010, passou a narrar com Mariana Godoy as transmissões dos desfiles de São Paulo.

Em 2012, fez uma participação especial na novela “Avenida Brasil”, de João Emanuel Carneiro, narrando jogos do Flamengo, time do protagonista Tufão, vivido por Murilo Benício.

Em 2013, estreou na narração das competições de mixed martial arts (MMA) do Ultimate Fighting Championship (UFC), transmitidas pela Globo desde novembro de 2011.

Um momento de sua carreira, porém, é sempre lembrado, mas não exatamente por uma vitória:

o bordão "Hoje não, hoje sim!".

Surgiu durante o histórico GP da Áustria de 2002, quando Rubens Barrichello deixou Michael Schumacher ficar com a primeira posição, entregando a primeira posição nos metros finais, por ordem da Ferrari, e ficou cravado na vida do narrador da TV Globo.

Recentemente, a emissora demitiu também o experiente Jota Junior.

O momento deste departamento é dos mais complicados, com muita insatisfação de funcionários. 

Segundo informações internas, os cortes a caminho prometem ser maiores de todos que já ocorreram.

Globo confirma saída de Cleber Machado

A coluna entrou em contato com a assessoria da Globo para pegar uma posição da emissora sobre o desligamento de Cleber Machado.

A Globo confirmou a saída e enviou o seguinte texto:

“O vínculo fixo de Cléber Machado com a Globo chega ao fim, mas as portas da empresa continuam abertas para novos projetos no futuro.

Nos últimos 35 anos, Cleber Machado narrou grandes momentos do esporte brasileiro na Globo. Sua história profissional se mistura à história do esporte da Globo e, além de futebol, automobilismo, basquete, vôlei, atletismo, entre outras modalidades, ele mostrou versatilidade ao atuar também como apresentador e comentarista em programas da TV Globo e do Sportv e ao ancorar transmissões de desfiles de Carnaval.

Grande profissional, Cleber esteve presente nos principais eventos esportivos nacionais e internacionais ao longo das últimas décadas e contribuiu para alimentar a paixão do brasileiro pelo esporte, especialmente o futebol”.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.