Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Melhor Não Ler
Publicidade

Renomeação de Aleijadinho em prol das artes politicamente corretas 

Para combater discriminação, escultor Aleijadinho terá seu pseudônimo mudado em homenagem póstuma contra o preconceito

Melhor Não Ler|Do R7

Antônio Francisco Lisboa (1738-1814) nasceu e morreu na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais. Escultor, entalhador e arquiteto, ele é um dos maiores nomes das artes plásticas do Brasil colonial. Entre suas obras mais conhecidas estão as Igrejas de São Francisco de Assis, localizada em sua cidade natal, e o Santuário Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas (MG).

Escultura de Aleijadinho em Ouro Preto
Escultura de Aleijadinho em Ouro Preto Escultura de Aleijadinho em Ouro Preto (CRISTIANO COUTO)

Apesar de sofrer de uma doença grave que deformou seu corpo e membros, o artista não abandonou seu ofício. Após perder os dedos dos pés, ele passou a trabalhar de joelhos, o que lhe rendeu a alcunha de Aleijadinho.

Porém, como vivemos em uma época com tão poucos problemas, há muito tempo livre para exumar óbices do passado. Além do que, podemos sinalizar virtudes que nem sequer temos por meio da modinha da “reparação histórica”.

Sendo assim, desde o último 18 de novembro, data em que se celebram os 208 anos da morte do mestre artífice, está proibido o uso do pseudônimo Aleijadinho, passando a ser obrigatório o uso do novo nome Pessoinha com Deficiência. Viva a inclusão!

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.