Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Dia da Cavalaria: Conheça as 7 principais raças de cavalos genuinamente brasileiras

Quarto de Milha, Crioulo e Mangalarga Marchador são algumas das espécies criadas no Brasil

RPet|Do R7

Cavalos representam beleza, força e poder
Cavalos representam beleza, força e poder Cavalos representam beleza, força e poder

Os cavalos sempre foram símbolo claro de poder, liberdade e beleza. Mais do que isso, esse animal é até usado como forma de tratamento para algumas pessoas com a equoterapia, atividade que reúne exercícios de coordenação motora, flexibilidade, concentração e agilidade para ter equilíbrio físico e psíquico, segundo o Ministério da Educação (MEC).

As raças genuinamente brasileiras dos cavalos conseguem concretizar, com excelência, essas características. Conheça abaixo algumas das categorias equinas criadas em solo verde e amarelo:

7 raças brasileiras de cavalos

Em primeiro lugar, o brasileiro de hipismo é uma raça considerada nova no cenário nacional. Ela vem do cruzamento de cavalos originários da Europa e mede aproximadamente 1,70 m de altura.

Essa categoria de cavalo apresenta várias aptidões para as mais diversas modalidades de salto, concurso de equitação e adestramento. 

Publicidade

O campeiro quase não chega! Essa raça surgiu por volta do século 16, por meio das expedições espanholas que andavam pelo estado de Santa Catarina e iam até o Uruguai.

A altura média deles varia de 1,52 m a 1,54 m. Os pelos são costumeiramente castanhos, o pescoço é bem definido e delicado. Essa raça é comumente recomendada para lazer e passeios de longos percursos.

Publicidade

Os cavalos da raça campolina se originaram no fim do século 19, em Minas Gerais. O padrão oficial revela que eles se destacam por serem de grande porte, ter cabeça seca, orelhas médias, pescoço musculoso, crinas sedosas e fartas, garupa ampla e cauda de baixa inserção.

Considerado dócil, é uma espécie utilizada para montaria leve e confortável.

Publicidade

Comum no Brasil, o crioulo é uma raça de cavalo originária do Rio Grande do Sul, mas é criada em outros países da América do Sul também, como Chile, Argentina e Uruguai.

Esses cavalos têm tamanho que varia entre 1,38 m e 1,50 m e sua musculatura é forte. Normalmente, são usados para tarefas de fazendas, atividades de montaria e para participar de competições.

O mangalarga nasceu do cruzamento de três raças da península ibérica: árabe, alter e andaluz. Cavalos dessa espécie têm uma média de 1,55 m de altura.

Já os cavalos da raça mangalarga marchador, que variam a altura entre 1,46 m e 1,52 m, têm como característica a marcha batida. Ou seja, eles têm um andar simétrico de quatro tempos.

Por último, mas não menos importante, o quarto de milha é considerado um dos melhores cavalos para participar de competições, por ser rápido e inteligente.

A altura dessa categoria equina varia de 1,52 m a 1,62 m e, costumeiramente, se destaca como corredor de curta distância, por causa de sua força muscular.

Conheça 7 raças de cachorros que foram criadas no Brasil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.