Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ursa que viralizou ao acordar 'descabelada' após hibernar foi explorada em circo; conheça história 

Chada, como é conhecida, atualmente vive em um santuário na Ucrânia, após anos sendo torturada

RPet|Do R7

Chada viralizou por causa de um vídeo em que aparece acordado descabelada após hibernar
Chada viralizou por causa de um vídeo em que aparece acordado descabelada após hibernar Chada viralizou por causa de um vídeo em que aparece acordado descabelada após hibernar

Recentemente, um vídeo de uma ursa acordando após a hibernação e saindo 'descabelada' de sua 'toca' viralizou na web. Trata-se de Chada, uma Tien Shan parda do Himalaia — subespécie ameaçada de extinção que, atualmente, conta com apenas 300 em todo o mundo —, de 24 anos de idade, que vive no santuário White Rock, localizado nos arredores de Kiev, na capital da Ucrânia.

Apesar do vídeo divertido, a história de Chada é triste. De acordo com o site oficial da instituição, a ursa nasceu na véspera de Natal, em 24 de dezembro de 1998. Ela e seus pais foram tirados da natureza na Ásia Central e levados para a Ucrânia, onde a família foi separada para servir a circos e zoológicos estaduais.

Desde cedo, Chada foi explorada no circo nacional ucraniano e passou a maior parte de sua vida na estrada, em turnê.

· Compartilhe esta notícia no Whatsapp

Publicidade

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Depois de muitos anos sendo torturada, a ursa foi vendida a um circo itinerante, mas acabou abandonada dentro de uma gaiola enferrujada, na zona industrial dos subúrbios de Kiev, onde ficou por cerca de sete anos.

Publicidade

Foi, então, que Chada foi encontrada por ativistas, que entraram em contato com o White Rock. Na época, por falta de espaço no santuário, a ursa foi para um zoológico. Ela não sofreu maus tratos lá, mas não recebeu os cuidados necessários.

Finalmente, em julho de 2019, Chada foi resgatada pelo White Rock. Devido aos anos em que foi explorada no circo, ela teve a visão afetada a e quase não possui dentes, mas hoje vive tranquila e protegida na instituição.

Sem pelos e 'rebaixados': Conheça as 7 raças de gato mais exóticas

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.