Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Viva a Vida
Publicidade

Japonesa de 100 anos é reconhecida como a consultora de beleza mais velha do mundo

Nascida em abril de 1923, Tomoko Horino entrou para o Guiness em agosto; ela começou a vender cosméticos aos 39 anos

Beleza|Da AFP

Tomoko Horino se maquia todos os dias
Tomoko Horino se maquia todos os dias Tomoko Horino se maquia todos os dias

Em outros tempos, zombavam dela quando ia trabalhar de madrugada, cuidadosamente maquiada. Atualmente, todos estão encantados com Tomoko Horino, uma japonesa centenária que ostenta o recorde de ser a consultora de beleza mais velha do mundo. "Era a época em que as mulheres ficavam em casa e se dedicavam ao lar, mas eu precisava trabalhar", explica ela, que em agosto entrou para o Guinness World Records.

No anos 1960, em sua cidade de Fukushima (nordeste), seus vizinhos pensavam que ela trabalhava em um bar de acompanhantes. "Mas qual é a acompanhante que sai quando o sol levanta e volta quando se põe?", pegunta, entre risos.

Nascida em abril de 1923, casou cedo com um diretor da administração pública local. Esta união foi "um erro", admite hoje, embora tenha vivido com o esposo até sua morte, há 16 anos.

"Ele vinha de uma família muito rica e gastava o dinheiro sem me contar. Convidava os amigos para jantar e beber e gastava todo seu salário", recorda.

Publicidade

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Publicidade

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Assine a newsletter R7 em Ponto

Publicidade

Para chegar ao fim do mês e criar seus três filhos, Horino começou a trabalhar, primeiro fabricando caixas para presentes.

Aos 39 anos, começou a vender em domicílio produtos da marca de cosméticos japonesa Pola e rapidamente foi promovida. Ganhava o triplo de seu marido. 

"Trabalhava muito", insiste ela, que até hoje bate suas metas de vendas.

O Japão é um dos países mais afetados pelo envelhecimento demográfico: cerca de 30% da população tem 65 anos, ou mais, e o arquipélago conta com mais de 92.000 pessoas centenárias.

O trabalho para os mais velhos aumentou nos últimos anos, também devido à falta de mão de obra. A empresa Pola, por exemplo, tem cerca de 250 consultoras de beleza acima de 80 anos. Três delas são centenárias, além de Horino.

A empresa decidiu inscrevê-la para o Guinness World Records, porque é "a mais ativa na comunicação com os clientes e na participação da elaboração de novos produtos", disse Aya Katsuda, uma porta-voz da Pola. Horino é "maravilhosa", acrescenta.

'Como uma irmã mais velha'

Horino, que usou saltos do tipo agulha até os 80 anos, maquia-se todos os dias e utiliza tratamentos antirrugas.

Todas as noites, toma um banho, estica as pernas na água quente e lava o rosto borrifando-o 20 vezes. Em seguida, passa várias loções, dois tipos de antirrugas, um sérum de beleza, um leite hidratante e um creme no final.

Também se mantém informada e assiste aos telejornais todas as noites. Isto lhe permite conversar com sua clientela.

"Tenho que estar por dentro de muitos assuntos. Preciso conhecer o beisebol para poder falar" com alguém que goste deste esporte, conta.

"Sempre é maravilhoso vê-la em tão boa forma", disse, admirada, Yuriko Abe, uma cliente de 75 anos. "É como uma irmã mais velha".

Porém, cada vez é mais difícil manter suas clientes. "Muitas morreram aos 80 anos", admite Horino.

"Continuarei trabalhando enquanto estiver viva", assegura. Gosto de ajudar as pessoas a "ficarem mais bonitas e mais felizes", acrescenta.

Veja também: Zilu, Gretchen: famosas com mais de 60 que puxam ferro e não deixam a desejar para novinhas:

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.