Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Viva a Vida
Publicidade

Crime ambiental no RN: centenária ‘Árvore do Amor’ tem raízes cortadas

Flipar

Flipar|Do R7

Cartão postal do Rio Grande do Norte, a centenária ‘Árvore do Amor’ foi alvo de vândalos e teve as raízes cortadas.
Cartão postal do Rio Grande do Norte, a centenária ‘Árvore do Amor’ foi alvo de vândalos e teve as raízes cortadas. Cartão postal do Rio Grande do Norte, a centenária ‘Árvore do Amor’ foi alvo de vândalos e teve as raízes cortadas. (Flipar)
A prefeitura de Maxaranguape, no litoral potiguar, emitiu uma nota oficial, assinada pela prefeita Professora Nira, em que define o ataque à árvore como crime ambiental.
A prefeitura de Maxaranguape, no litoral potiguar, emitiu uma nota oficial, assinada pela prefeita Professora Nira, em que define o ataque à árvore como crime ambiental. A prefeitura de Maxaranguape, no litoral potiguar, emitiu uma nota oficial, assinada pela prefeita Professora Nira, em que define o ataque à árvore como crime ambiental. (Flipar)
“A Prefeitura Municipal de Maxaranguape vem, por meio desta nota, com profunda tristeza e perplexidade, manifestar seu inconformismo e seu repúdio ao repentino e brutal crime ambiental sofrido pela 'Árvore do Amor'
“A Prefeitura Municipal de Maxaranguape vem, por meio desta nota, com profunda tristeza e perplexidade, manifestar seu inconformismo e seu repúdio ao repentino e brutal crime ambiental sofrido pela 'Árvore do Amor' “A Prefeitura Municipal de Maxaranguape vem, por meio desta nota, com profunda tristeza e perplexidade, manifestar seu inconformismo e seu repúdio ao repentino e brutal crime ambiental sofrido pela 'Árvore do Amor' (Flipar)
A prefeitura também pediu a moradores que ajudem na identificação dos malfeitores para o crime não ficar impune e evitar novas ocorrências.
A prefeitura também pediu a moradores que ajudem na identificação dos malfeitores para o crime não ficar impune e evitar novas ocorrências. A prefeitura também pediu a moradores que ajudem na identificação dos malfeitores para o crime não ficar impune e evitar novas ocorrências. (Flipar)
A suspeita das autoridades do município é de que a ação criminosa tenha acontecido na madrugada de 28 de fevereiro.
A suspeita das autoridades do município é de que a ação criminosa tenha acontecido na madrugada de 28 de fevereiro. A suspeita das autoridades do município é de que a ação criminosa tenha acontecido na madrugada de 28 de fevereiro. (Flipar)
O poder público local acionou o órgão ambiental do Rio Grande do Norte, fez um boletim de ocorrência e fez denúncia à Polícia Ambiental.
O poder público local acionou o órgão ambiental do Rio Grande do Norte, fez um boletim de ocorrência e fez denúncia à Polícia Ambiental. O poder público local acionou o órgão ambiental do Rio Grande do Norte, fez um boletim de ocorrência e fez denúncia à Polícia Ambiental. (Flipar)
O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema) participa da investigação do caso para descobrir os autores do crime ambiental.
O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema) participa da investigação do caso para descobrir os autores do crime ambiental. O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema) participa da investigação do caso para descobrir os autores do crime ambiental. (Flipar)
Flipar
Flipar Flipar (Flipar)
“Quem tira o visgo da raiz da planta normalmente faz um pequeno corte, mas os cortes foram muito grandes, chegaram a apartar algumas
“Quem tira o visgo da raiz da planta normalmente faz um pequeno corte, mas os cortes foram muito grandes, chegaram a apartar algumas “Quem tira o visgo da raiz da planta normalmente faz um pequeno corte, mas os cortes foram muito grandes, chegaram a apartar algumas (Flipar)
Técnicos florestais do Idema foram enviados à região para ajudar na recuperação da árvore, que resistiu aos cortes.
Técnicos florestais do Idema foram enviados à região para ajudar na recuperação da árvore, que resistiu aos cortes. Técnicos florestais do Idema foram enviados à região para ajudar na recuperação da árvore, que resistiu aos cortes. (Flipar)
O principal risco é de que a exposição dos cortes faça a árvore ficar vulnerável pela penetração de agentes infecciosos.
O principal risco é de que a exposição dos cortes faça a árvore ficar vulnerável pela penetração de agentes infecciosos. O principal risco é de que a exposição dos cortes faça a árvore ficar vulnerável pela penetração de agentes infecciosos. (Flipar)
Com mais de 300 anos de vida, a “Árvore do Amor” é na realidade a junção de duas árvores da espécie gameleira.
Com mais de 300 anos de vida, a “Árvore do Amor” é na realidade a junção de duas árvores da espécie gameleira. Com mais de 300 anos de vida, a “Árvore do Amor” é na realidade a junção de duas árvores da espécie gameleira. (Flipar)
Essas gameleiras “coladas” projetam uma sombra em forma de coração, daí o apelido de “Árvore do Amor”.
Essas gameleiras “coladas” projetam uma sombra em forma de coração, daí o apelido de “Árvore do Amor”. Essas gameleiras “coladas” projetam uma sombra em forma de coração, daí o apelido de “Árvore do Amor”. (Flipar)
De acordo com lenda local, os troncos das gameleiras se uniram após a morte de um casal indígena que vivia na cidade.
De acordo com lenda local, os troncos das gameleiras se uniram após a morte de um casal indígena que vivia na cidade. De acordo com lenda local, os troncos das gameleiras se uniram após a morte de um casal indígena que vivia na cidade. (Flipar)
A gameleira é uma espécie de árvore que se destaca pela imponência e copas frondosas, que geram grandes espaços de sombra.
A gameleira é uma espécie de árvore que se destaca pela imponência e copas frondosas, que geram grandes espaços de sombra. A gameleira é uma espécie de árvore que se destaca pela imponência e copas frondosas, que geram grandes espaços de sombra. (Flipar)
As gameleiras unidas por caules e copas fizeram da praia de Barra de Maxaranguape um ponto turístico romântico.
As gameleiras unidas por caules e copas fizeram da praia de Barra de Maxaranguape um ponto turístico romântico. As gameleiras unidas por caules e copas fizeram da praia de Barra de Maxaranguape um ponto turístico romântico. (Flipar)
O local já serviu de cenário para casamentos e é classificado pela prefeitura como “símbolo maior do município”.
O local já serviu de cenário para casamentos e é classificado pela prefeitura como “símbolo maior do município”. O local já serviu de cenário para casamentos e é classificado pela prefeitura como “símbolo maior do município”. (Flipar)
Um dos rituais turísticos no local é o de solteiros que amarram fitas nos galhos das gameleiras como forma de atrair um relacionamento amoroso.
Um dos rituais turísticos no local é o de solteiros que amarram fitas nos galhos das gameleiras como forma de atrair um relacionamento amoroso. Um dos rituais turísticos no local é o de solteiros que amarram fitas nos galhos das gameleiras como forma de atrair um relacionamento amoroso. (Flipar)
A cidade litorânea de Maxaranguape fica a 51 quilômetros de Natal, capital do Rio Grande do Norte.
A cidade litorânea de Maxaranguape fica a 51 quilômetros de Natal, capital do Rio Grande do Norte. A cidade litorânea de Maxaranguape fica a 51 quilômetros de Natal, capital do Rio Grande do Norte. (Flipar)
De acordo com o censo do IBGE de 2022, a população local é de 10.255 pessoas.
De acordo com o censo do IBGE de 2022, a população local é de 10.255 pessoas. De acordo com o censo do IBGE de 2022, a população local é de 10.255 pessoas. (Flipar)

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.