Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Marcelinho Calil, da Viradouro, chama atenção, é casado com influenciadora e será pai

Flipar|

A Viradouro sagrou-se campeã do carnaval do Rio de Janeiro pela terceira vez em sua história. A escola de Niterói empolgou a Sapucaí com um enredo que exaltava o culto ao vodum serpente e a presença das guerreiras de Daomé. Com isso, a agremiação voltou a ser potência ao liderar o ranking da Liesa desde o início da gestão da família Calil. O principal nome é Marcelinho, que foi presidente e agora é diretor-executivo e chama a atenção nas redes sociais pela beleza.
A Viradouro sagrou-se campeã do carnaval do Rio de Janeiro pela terceira vez em sua história. A escola de Niterói empolgou a Sapucaí com um enredo que exaltava o culto ao vodum serpente e a presença das guerreiras de Daomé. Com isso, a agremiação volto... A Viradouro sagrou-se campeã do carnaval do Rio de Janeiro pela terceira vez em sua história. A escola de Niterói empolgou a Sapucaí com um enredo que exaltava o culto ao vodum serpente e a presença das guerreiras de Daomé. Com isso, a agremiação voltou a ser potência ao liderar o ranking da Liesa desde o início da gestão da família Calil. O principal nome é Marcelinho, que foi presidente e agora é diretor-executivo e chama a atenção nas redes sociais pela beleza. (Flipar)
No entanto, o diretor executivo da Viradouro não curtiu a folia sozinho. Ele é casado com a ex-musa fitness e atual terapeuta holística Thamires Hauch Calil, que está grávida do primeiro filho do casal. Segundo Marcelinho, durante a festa do título na quadra da escola de Niterói, seu filho irá nascer campeão.
No entanto, o diretor executivo da Viradouro não curtiu a folia sozinho. Ele é casado com a ex-musa fitness e atual terapeuta holística Thamires Hauch Calil, que está grávida do primeiro filho do casal. Segundo Marcelinho, durante a festa do título na ... No entanto, o diretor executivo da Viradouro não curtiu a folia sozinho. Ele é casado com a ex-musa fitness e atual terapeuta holística Thamires Hauch Calil, que está grávida do primeiro filho do casal. Segundo Marcelinho, durante a festa do título na quadra da escola de Niterói, seu filho irá nascer campeão. (Flipar)
Aos 34 anos, o diretor ao lado do pai é um dos responsáveis por fazer a Viradouro brilhar na elite do carnaval do Rio. Marcelo Calil Petrus Filho, o Marcelinho Calil, é neto de Antônio Petrus Calil, o Turcão, morto em 2019. Assumiu a Viradouro em 2017, quando a agremiação ainda estava no Acesso (atualmente Série Ouro) e correu risco de enrolar a bandeira e deixar de desfilar.
Aos 34 anos, o diretor ao lado do pai é um dos responsáveis por fazer a Viradouro brilhar na elite do carnaval do Rio. Marcelo Calil Petrus Filho, o Marcelinho Calil, é neto de Antônio Petrus Calil, o Turcão, morto em 2019. Assumiu a Viradouro em 2017,... Aos 34 anos, o diretor ao lado do pai é um dos responsáveis por fazer a Viradouro brilhar na elite do carnaval do Rio. Marcelo Calil Petrus Filho, o Marcelinho Calil, é neto de Antônio Petrus Calil, o Turcão, morto em 2019. Assumiu a Viradouro em 2017, quando a agremiação ainda estava no Acesso (atualmente Série Ouro) e correu risco de enrolar a bandeira e deixar de desfilar. (Flipar)
Os dois, que se casaram em maio de 2023, serão pais de um menino em breve. Numa publicação feita junto com Marcelinho, Thamiris contou a novidade em outubro do ano passado.
Os dois, que se casaram em maio de 2023, serão pais de um menino em breve. Numa publicação feita junto com Marcelinho, Thamiris contou a novidade em outubro do ano passado. Os dois, que se casaram em maio de 2023, serão pais de um menino em breve. Numa publicação feita junto com Marcelinho, Thamiris contou a novidade em outubro do ano passado. (Flipar)
Flipar
Flipar Flipar (Flipar)
Thamires Hauch, de 30 anos, possui mais de 1,6 milhões de seguidores. Ela é famosa por seus conselhos e orientações para quem foi descartado, alimenta amor platônico e fica mal quando o boy acaba com o relacionamento. O principal objetivo da influencer é levantar a autoestima feminina e convencer que a pessoa deve se amar e não depositar expectativas de felicidade na mão do outro.
Thamires Hauch, de 30 anos, possui mais de 1,6 milhões de seguidores. Ela é famosa por seus conselhos e orientações para quem foi descartado, alimenta amor platônico e fica mal quando o boy acaba com o relacionamento. O principal objetivo da influencer... Thamires Hauch, de 30 anos, possui mais de 1,6 milhões de seguidores. Ela é famosa por seus conselhos e orientações para quem foi descartado, alimenta amor platônico e fica mal quando o boy acaba com o relacionamento. O principal objetivo da influencer é levantar a autoestima feminina e convencer que a pessoa deve se amar e não depositar expectativas de felicidade na mão do outro. (Flipar)
Além do sucesso no Instagram, ela também lançou dois livros: “Faça o Amor ser Fácil”, que ficou na lista dos mais vendidos e “À Flor da Pele”, com poesias de encorajamento para as mulheres.
Além do sucesso no Instagram, ela também lançou dois livros: “Faça o Amor ser Fácil”, que ficou na lista dos mais vendidos e “À Flor da Pele”, com poesias de encorajamento para as mulheres. Além do sucesso no Instagram, ela também lançou dois livros: “Faça o Amor ser Fácil”, que ficou na lista dos mais vendidos e “À Flor da Pele”, com poesias de encorajamento para as mulheres. (Flipar)
Thamires percebeu na adolescência que tinha o dom de conselheira. Nascida em Niterói, ela cita que as amigas adoravam procurá-la para pedir orientações sobre suas desilusões amorosas. Ciente disso, chegou a entrar para a faculdade de Psicologia, mas não concluiu o curso.
Thamires percebeu na adolescência que tinha o dom de conselheira. Nascida em Niterói, ela cita que as amigas adoravam procurá-la para pedir orientações sobre suas desilusões amorosas. Ciente disso, chegou a entrar para a faculdade de Psicologia, mas nã... Thamires percebeu na adolescência que tinha o dom de conselheira. Nascida em Niterói, ela cita que as amigas adoravam procurá-la para pedir orientações sobre suas desilusões amorosas. Ciente disso, chegou a entrar para a faculdade de Psicologia, mas não concluiu o curso. (Flipar)
Em um relacionamento de mais de quatro anos, Thamires é casada e está grávida de um menino, do diretor executivo da Viradouro, atual campeã do carnaval, Marcelinho Calil, que foi conhecido como ‘o mais gato dirigente das escolas de samba do Rio’.
Em um relacionamento de mais de quatro anos, Thamires é casada e está grávida de um menino, do diretor executivo da Viradouro, atual campeã do carnaval, Marcelinho Calil, que foi conhecido como ‘o mais gato dirigente das escolas de samba do Rio’. Em um relacionamento de mais de quatro anos, Thamires é casada e está grávida de um menino, do diretor executivo da Viradouro, atual campeã do carnaval, Marcelinho Calil, que foi conhecido como ‘o mais gato dirigente das escolas de samba do Rio’. (Flipar)
Proprietário de uma associação esportiva em Niterói (Tio Sam), ele assumiu a Viradouro nos preparativos para os desfiles de 2017. Antes disso, conviveu de perto com a paixão pelo Carnaval em sua família, com o avô Turcão. Além disso, teve uma passagem por outra agremiação de Niterói, o Acadêmicos do Cubango.
Proprietário de uma associação esportiva em Niterói (Tio Sam), ele assumiu a Viradouro nos preparativos para os desfiles de 2017. Antes disso, conviveu de perto com a paixão pelo Carnaval em sua família, com o avô Turcão. Além disso, teve uma passagem ... Proprietário de uma associação esportiva em Niterói (Tio Sam), ele assumiu a Viradouro nos preparativos para os desfiles de 2017. Antes disso, conviveu de perto com a paixão pelo Carnaval em sua família, com o avô Turcão. Além disso, teve uma passagem por outra agremiação de Niterói, o Acadêmicos do Cubango. (Flipar)
Na verde e branca da Cidade Sorriso, teve contato com a gestão ao lado do pai, porém era apenas uma fase para o que viria anos mais tarde. Marcelinho também teve uma meteórica passagem pela Unidos do Porto da Pedra até se fixar na quadra da Unidos do Viradouro, na Avenida do Contorno, no Barreto, em Niterói.
Na verde e branca da Cidade Sorriso, teve contato com a gestão ao lado do pai, porém era apenas uma fase para o que viria anos mais tarde. Marcelinho também teve uma meteórica passagem pela Unidos do Porto da Pedra até se fixar na quadra da Unidos do V... Na verde e branca da Cidade Sorriso, teve contato com a gestão ao lado do pai, porém era apenas uma fase para o que viria anos mais tarde. Marcelinho também teve uma meteórica passagem pela Unidos do Porto da Pedra até se fixar na quadra da Unidos do Viradouro, na Avenida do Contorno, no Barreto, em Niterói. (Flipar)
A escola vivia uma das piores fases de sua história e corria sérios riscos de enrolar a bandeira e não conseguir desfilar no Carnaval de 2017, sob o comando do compositor Gusttavo Clarão. A família Calil assumiu o comando da escola que ainda brigou pelo título e ficou com o vice-campeonato, atrás apenas do Império Serrano.
A escola vivia uma das piores fases de sua história e corria sérios riscos de enrolar a bandeira e não conseguir desfilar no Carnaval de 2017, sob o comando do compositor Gusttavo Clarão. A família Calil assumiu o comando da escola que ainda brigou pel... A escola vivia uma das piores fases de sua história e corria sérios riscos de enrolar a bandeira e não conseguir desfilar no Carnaval de 2017, sob o comando do compositor Gusttavo Clarão. A família Calil assumiu o comando da escola que ainda brigou pelo título e ficou com o vice-campeonato, atrás apenas do Império Serrano. (Flipar)
No ano seguinte, já como presidente, teve ao seu lado como vice: Susie Monassa. Ela é filha de nada mais que José Carlos Monassa Bessil, um dos maiores incentivadores de levar a Viradouro ao Carnaval Carioca.
No ano seguinte, já como presidente, teve ao seu lado como vice: Susie Monassa. Ela é filha de nada mais que José Carlos Monassa Bessil, um dos maiores incentivadores de levar a Viradouro ao Carnaval Carioca. No ano seguinte, já como presidente, teve ao seu lado como vice: Susie Monassa. Ela é filha de nada mais que José Carlos Monassa Bessil, um dos maiores incentivadores de levar a Viradouro ao Carnaval Carioca. (Flipar)
A escola conquistou 18 títulos em Niterói. No conturbado resultado do carnaval da cidade em 1985, a escola se sentiu desprestigiada e decidiu deixar de competir na cidade. Na ocasião, a diretoria distribuiu um questionário entre os componentes para, enfim, atestar a transferência para o carnaval carioca. A aprovação foi máxima, com 98% dos foliões optando pela desfiliação da cidade-sede.
A escola conquistou 18 títulos em Niterói. No conturbado resultado do carnaval da cidade em 1985, a escola se sentiu desprestigiada e decidiu deixar de competir na cidade. Na ocasião, a diretoria distribuiu um questionário entre os componentes para, en... A escola conquistou 18 títulos em Niterói. No conturbado resultado do carnaval da cidade em 1985, a escola se sentiu desprestigiada e decidiu deixar de competir na cidade. Na ocasião, a diretoria distribuiu um questionário entre os componentes para, enfim, atestar a transferência para o carnaval carioca. A aprovação foi máxima, com 98% dos foliões optando pela desfiliação da cidade-sede. (Flipar)
Depois de estrear com o pé direito em 1991, a Viradouro chegaria bem forte na disputa do título, mas enfrentou um terrível incêndio em plena Sapucaí no ano seguinte, no enredo sobre os ciganos, elaborado pelo saudoso Max Lopes.
Depois de estrear com o pé direito em 1991, a Viradouro chegaria bem forte na disputa do título, mas enfrentou um terrível incêndio em plena Sapucaí no ano seguinte, no enredo sobre os ciganos, elaborado pelo saudoso Max Lopes. Depois de estrear com o pé direito em 1991, a Viradouro chegaria bem forte na disputa do título, mas enfrentou um terrível incêndio em plena Sapucaí no ano seguinte, no enredo sobre os ciganos, elaborado pelo saudoso Max Lopes. (Flipar)
Mais tarde, em 1997, já com o consagrado Joãosinho Trinta, conquistou seu primeiro título na elite do carnaval carioca, com o enredo
Mais tarde, em 1997, já com o consagrado Joãosinho Trinta, conquistou seu primeiro título na elite do carnaval carioca, com o enredo Mais tarde, em 1997, já com o consagrado Joãosinho Trinta, conquistou seu primeiro título na elite do carnaval carioca, com o enredo (Flipar)
A Viradouro se tornou uma potência no fim dos anos 90 e ficou por um bom tempo nos anos 2000 presente no G6 do Carnaval Carioca. Enredos como Orfeu, sobre Bibi Ferreira, os jogos, Anita Garibaldi, Sete pecados capitais, entre outros, marcaram, com ótimos sambas.
A Viradouro se tornou uma potência no fim dos anos 90 e ficou por um bom tempo nos anos 2000 presente no G6 do Carnaval Carioca. Enredos como Orfeu, sobre Bibi Ferreira, os jogos, Anita Garibaldi, Sete pecados capitais, entre outros, marcaram, com ótim... A Viradouro se tornou uma potência no fim dos anos 90 e ficou por um bom tempo nos anos 2000 presente no G6 do Carnaval Carioca. Enredos como Orfeu, sobre Bibi Ferreira, os jogos, Anita Garibaldi, Sete pecados capitais, entre outros, marcaram, com ótimos sambas. (Flipar)
Após anos voltando às campeãs, a Viradouro sentiu muito a morte de Monassa em 2005 e com a péssima gestão de Marco Lira, caiu para o acesso e perdeu o rumo.
Após anos voltando às campeãs, a Viradouro sentiu muito a morte de Monassa em 2005 e com a péssima gestão de Marco Lira, caiu para o acesso e perdeu o rumo. Após anos voltando às campeãs, a Viradouro sentiu muito a morte de Monassa em 2005 e com a péssima gestão de Marco Lira, caiu para o acesso e perdeu o rumo. (Flipar)
Sob o comando de Gusttavo Clarão chegou a vencer a segunda divisão do Carnaval carioca em 2014, ao falar de Niterói, mas caiu no ano seguinte em um desfile debaixo de chuva.
Sob o comando de Gusttavo Clarão chegou a vencer a segunda divisão do Carnaval carioca em 2014, ao falar de Niterói, mas caiu no ano seguinte em um desfile debaixo de chuva. Sob o comando de Gusttavo Clarão chegou a vencer a segunda divisão do Carnaval carioca em 2014, ao falar de Niterói, mas caiu no ano seguinte em um desfile debaixo de chuva. (Flipar)
A partir de 2018, a Viradouro voltou a ser potência no Carnaval carioca e muito se deve à dupla de
A partir de 2018, a Viradouro voltou a ser potência no Carnaval carioca e muito se deve à dupla de A partir de 2018, a Viradouro voltou a ser potência no Carnaval carioca e muito se deve à dupla de (Flipar)
Em 2019, foi vice-campeã sendo a segunda a desfilar no domingo de Carnaval, ficando atrás apenas da Mangueira. No ano seguinte, com o enredo sobre as Ganhadeiras de Itapoã, fez história e conquistou o bicampeonato da elite do Carnaval Carioca.
Em 2019, foi vice-campeã sendo a segunda a desfilar no domingo de Carnaval, ficando atrás apenas da Mangueira. No ano seguinte, com o enredo sobre as Ganhadeiras de Itapoã, fez história e conquistou o bicampeonato da elite do Carnaval Carioca. Em 2019, foi vice-campeã sendo a segunda a desfilar no domingo de Carnaval, ficando atrás apenas da Mangueira. No ano seguinte, com o enredo sobre as Ganhadeiras de Itapoã, fez história e conquistou o bicampeonato da elite do Carnaval Carioca. (Flipar)
O carnavalesco Tarcísio Zanon trouxe o enredo sobre a figura de Rosa Maria Egipcíaca, em 2023, para o desfile da Unidos do Viradouro. Com o tem voltado a vida da primeira mulher negra a escrever um livro no Brasil, a escola ficou com o segundo lugar, apenas um décimo atrás da Imperatriz Leopoldinense.
O carnavalesco Tarcísio Zanon trouxe o enredo sobre a figura de Rosa Maria Egipcíaca, em 2023, para o desfile da Unidos do Viradouro. Com o tem voltado a vida da primeira mulher negra a escrever um livro no Brasil, a escola ficou com o segundo lugar, a... O carnavalesco Tarcísio Zanon trouxe o enredo sobre a figura de Rosa Maria Egipcíaca, em 2023, para o desfile da Unidos do Viradouro. Com o tem voltado a vida da primeira mulher negra a escrever um livro no Brasil, a escola ficou com o segundo lugar, apenas um décimo atrás da Imperatriz Leopoldinense. (Flipar)
Em 2024, a Unidos do Viradouro levou para a avenida o enredo
Em 2024, a Unidos do Viradouro levou para a avenida o enredo Em 2024, a Unidos do Viradouro levou para a avenida o enredo (Flipar)
A escola de Niterói sobrou na avenida e encantou com a serpente na comissão de frente e um desfile colorido e alegre. Na apuração, ficou sétimo décimos à frente da Imperatriz Leopoldinense e voltou a mostrar que é uma potência do carnaval. Desde que a gestão Calil assumiu, a agremiação ficou no top 3 (títulos de 2020 e 2024, segundo lugar em 2019 e 2023 e terceiro em 2022).
A escola de Niterói sobrou na avenida e encantou com a serpente na comissão de frente e um desfile colorido e alegre. Na apuração, ficou sétimo décimos à frente da Imperatriz Leopoldinense e voltou a mostrar que é uma potência do carnaval. Desde que a ... A escola de Niterói sobrou na avenida e encantou com a serpente na comissão de frente e um desfile colorido e alegre. Na apuração, ficou sétimo décimos à frente da Imperatriz Leopoldinense e voltou a mostrar que é uma potência do carnaval. Desde que a gestão Calil assumiu, a agremiação ficou no top 3 (títulos de 2020 e 2024, segundo lugar em 2019 e 2023 e terceiro em 2022). (Flipar)

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.