Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Como Ser Saudável
Publicidade

Como evitar lesão das mãos e punhos

Como Ser Saudável|Do R7

A prática costante de atividades esportivas pode provocar lesões, principalmente se o exerício for mal executado. As mãos e os punhos são os que mais sofrem, praticamente 25% dos casos, segundo estudo. Claro que o risco maior está na prática de modalidades em que se usa o membro superior diretamente, principalmente nos esportes de combate e artes marciais, mas também em esportes como vôlei, basquete, tênis, remo e tantos outros.

"As lesões mais comuns nas mãos são as contusões ou traumas contusos. As fraturas das falanges também são bem comuns e podem acontecer com traumas como bater o dedo em algum lugar", relata o médico ortopedista especialista em mãos, doutor Thiago Felipe dos Santos Barros.

Pesquisas revelam que 3% a 9% das lesões da região mão/punho são decorrentes da exposição da mão no esporte. E dentro os esportes, também devemos incluir a prática da musculação. "Quando a pessoa utiliza um haltere de maneira errada, ela pode sobrecarregar ossos, tendões e ligamentos, podendo causar uma lesão traumática nas mãos. Podem também ocorrer lesões degenerativas por movimentos repetitivos de maneira incorreta", explica o doutor Thiago.

Por isso a importância da prevenção e também da orientação corretas. Fatalidades podem ocorrer, mas quando acatamos alguns cuidados, as chances são bem menores.

Publicidade

O uso de assessórios de proteção, uma boa orientação profissional e aquecer corretamente antes de iniciar uma atividade física , são pontos que ajudam no quesito prevenção de lesão nas mãos.

médico ortopedista especialista em mãos, doutor Thiago Felipe dos Santos Barros
médico ortopedista especialista em mãos, doutor Thiago Felipe dos Santos Barros médico ortopedista especialista em mãos, doutor Thiago Felipe dos Santos Barros

Mas as lesões nas mãos não ocorrem apenas nas pessoas que praticam esporte, como ressalta o ortopedista Thiago Barros: "As lesões nas mãos podem ocorrer por traumas, como uma queda ou prender um dedo em uma porta. Também podem ocorrer lesões por movimentos repetitivos, que podem levar a inflamação de tendões ou músculos." Um exemplo bem comum de movimentos repetitivos é uso exagerado de smartphone. Passamos horas mexendo e realizando, praticamente, o mesmo movimento.

Publicidade

No caso de dores ou algum trauma, é importante procurar a avaliação de um especialista. Ele poderá indicar o tratamento correto, que pode, inclusie, ser cirúrgico. "O tratamento consiste na correção do movimento para evitar novas lesões - no caso de lesões degenerativas, além de repouso e fisioterapia. No caso das lesões traumáticas, dependendo do grau da lesão, pode ser indicada cirurgia para a correção da lesão".

Portanto, fique atento aos cuidados com mãos na hora de praticar exercícios físicos e procure descansar as mãos de movimentos repetitivos, para que voce não entre na estatística. 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.