Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Destinos 'genéricos' e outras maneiras de economizar nas viagens em 2024

Pesquisas indicam que locais mais baratos são tendência entre escolhas de turistas ao redor do mundo

Viagens|Elaine Glusac

Enquanto muita gente se dedica às resoluções de Ano Novo, minha família e eu elaboramos uma lista de destinos que almejamos visitar. Lugares que não tivemos a oportunidade de explorar no ano anterior frequentemente são incluídos (como a Tailândia e as Ilhas Cook), mas sempre adicionamos novos destinos (este ano, a Coreia do Sul) que, com um planejamento cuidadoso, podemos desfrutar sem gastar muito.

Em 2024, conforme uma pesquisa feita pela agência de viagens on-line Booking.com, mais da metade dos viajantes americanos planeja visitar destinos onde o custo de vida seja mais acessível do que em sua cidade de origem. Sessenta por cento indicaram que optariam por "férias genéricas" ou por alternativas mais econômicas em comparação com destinos mais dispendiosos. "Observamos um interesse crescente dos consumidores em descobrir novos destinos, impulsionando a exploração de lugares menos convencionais e mais acessíveis", afirmou Brett Keller, CEO da agência on-line Priceline.

Destinos mais genéricos e menos disputados podem ajudar a economizar dinheiro
Destinos mais genéricos e menos disputados podem ajudar a economizar dinheiro Destinos mais genéricos e menos disputados podem ajudar a economizar dinheiro (Travel Penticton/Nathan Penner via The New York Times)

As estratégias para otimizar gastos – como optar por viagens na baixa temporada, explorar destinos onde o dólar tem maior valor e descobrir lugares menos badalados – são eficazes para maximizar seu orçamento. A seguir, destacamos alguns destinos que apresentam incentivos inovadores e acessíveis para os viajantes em 2024.

Queridinhos das taxas de câmbio

Quanto mais valorizado o dólar, maior o poder de compra no exterior. Em vez de optar por destinos tradicionalmente dispendiosos nos EUA, como Havaí ou Nova York, direcione seu poder financeiro para um destino mais acessível e receba um benefício extra.

Publicidade

O México, onde US$ 1 equivale a mais de 17 pesos, há muito tempo é considerado uma opção econômica para os americanos, mantendo-se como o destino internacional mais procurado, tendo atraído mais de 33 milhões de visitantes em 2022 (o último ano com estatísticas disponíveis do Escritório Nacional de Viagens e Turismo).

Embora o Departamento de Estado americano desencoraje viagens a determinados estados do México por causa da criminalidade, não impõe restrições a Nayarit, localizado na costa central do Pacífico, ao norte de Puerto Vallarta.

Publicidade
Vista do mar na Destin-Fort Walton Beach, região do Panhandle, na Flórida
Vista do mar na Destin-Fort Walton Beach, região do Panhandle, na Flórida Vista do mar na Destin-Fort Walton Beach, região do Panhandle, na Flórida (Destin-Fort Walton Beach via The New York Times)

Ali, os viajantes têm a oportunidade de explorar as Islas Marías, arquipélago rico em biodiversidade situado a cerca de 95 quilômetros da costa, e declarado Reserva da Biosfera pela Unesco. Recentemente, o governo começou a oferecer viagens para essa antiga colônia penal, transformada em centro ambiental e educacional. Por enquanto, as viagens são efetuadas só nos fins de semana, por meio da balsa de San Blas, e custam cerca de cinco mil pesos por pessoa (aproximadamente US$ 300), incluindo refeições, passeios e duas noites em antigas celas de prisão revitalizadas. A viagem, simples e sem luxos, proporciona oportunidades de avistar espécies raras, como o papagaio-de-cabeça-amarela e o guaxinim de Tres Marías, além de tubarões-baleia migratórios.

Os custos no Canadá são aproximadamente um terço mais baixos quando pagos em dólares americanos. Fuja do roteiro convencional e explore a cidade de Penticton, localizada no Vale Okanagan, no sul da Colúmbia Britânica. Agora, há voos diretos com duração de uma hora partindo de Vancouver, e um novo hotel Four Points by Sheraton oferece tarifas a partir de 135 dólares canadenses (cerca de US$ 100). Depois de pedalar pela magnífica trilha ferroviária de Kettle Valley, que contorna o Lago Okanagan, aproveite para visitar as vinícolas na pitoresca Naramata (as degustações custam dez dólares canadenses na vinícola Chain Reaction Winery).

Publicidade

Outra alternativa é visitar Montreal para apreciar o "Nature Vive", espetáculo imersivo de sons e luzes da experiência Oasis Immersion com o tema da biodiversidade, programado para estrear em 22 de fevereiro (ingressos a partir de 29 dólares canadenses). Além disso, este ano Montreal tem uma das seis equipes participantes na temporada inaugural da Liga Profissional de Hóquei Feminino (ingressos disponíveis a partir de cerca de 25 dólares canadenses).

Destinos 'genéricos'

Os viajantes que buscam escapar de destinos excessivamente turísticos e dispendiosos há muito têm explorado alternativas menos divulgadas e mais acessíveis, tendência que ganhou popularidade recentemente no TikTok com o nome de destinos "genéricos".

Nesse contexto, em vez de contemplar as flores de cerejeira em Kyoto, no Japão, ou em Washington, D.C., considere explorar Modesto, na Califórnia, como porta de entrada para a região agrícola do Vale Central, especialmente durante a época das amendoeiras em flor. Entre fevereiro e março, os 607 mil hectares de amendoeiras na região ficam carregados de flores brancas e cor-de-rosa. Os visitantes podem desfrutar um passeio de carro pelas amendoeiras em flor com um guia de áudio (US$ 14,99) enquanto escutam uma playlist no Spotify dedicada à primavera, com repertório interpretado pela Orquestra Sinfônica de Modesto.

Durante a estada, aproveite para fazer o novo Street Art Audio Tour, passeio autoguiado com suporte em áudio (US$ 14,99), que percorre diversos dos mais de cem murais espalhados pela cidade. Quanto às acomodações, há opções que vão desde hotéis de rede até Airbnbs, cujas diárias, em uma pesquisa recente, custavam a partir de US$ 65.

Cleveland e Indianápolis serão palcos do eclipse total do sol previsto para oito de abril, tornando-se destinos atrativos para entusiastas do turismo astronômico. Além disso, ambas as cidades podem ser consideradas destinos esportivos "genéricos" e mais em conta para quem gostaria de assistir aos Jogos Olímpicos de Paris.

Em Modest, na Califórnia, e suas cercanias, a florada das amendoeiras acontece entre fevereiro e março, quando mais de seis mil metros quadrados de árvores explode em rosa e branco
Em Modest, na Califórnia, e suas cercanias, a florada das amendoeiras acontece entre fevereiro e março, quando mais de seis mil metros quadrados de árvores explode em rosa e branco Em Modest, na Califórnia, e suas cercanias, a florada das amendoeiras acontece entre fevereiro e março, quando mais de seis mil metros quadrados de árvores explode em rosa e branco (Visit Modesto via The New York Times)

Entre os dias 15 e 23 de junho, antes dos Jogos Olímpicos, os principais nadadores dos Estados Unidos participarão das provas da equipe olímpica de natação dos EUA no Lucas Oil Stadium, em Indianápolis. Será a primeira vez que uma piscina olímpica será instalada em um estádio da NFL, e os ingressos vão custar a partir de US$ 56.

Entre os dias 12 e 21 de julho, Cleveland sediará os Pan American Masters Games, festival esportivo de inspiração olímpica destinado a atletas com mais de 30 anos. A competição abrange diversas faixas etárias, incluindo atletas de até cem anos ou mais, com a participação esperada de mais de 7.500 competidores de mais de 50 países. Os esportes variam desde stand-up paddling e curling até atletismo, e a entrada para espectadores é gratuita.

Bem-estar que cabe no bolso

As viagens centradas no bem-estar costumam ter um caráter luxuoso, mas a popularidade crescente de atividades como imersões na floresta demonstrou que práticas saudáveis não necessitam de altos custos.

"Em 2024, prevejo o renascimento do bem-estar com a socialização", disse Yuki Kiyono, líder global de desenvolvimento de saúde e bem-estar do grupo de resorts de luxo Aman. Em março, a empresa vai inaugurar o Janu Tokyo, com amplas piscinas de natação e terapêuticas, concebidas como espaços de convívio no contexto japonês.

Por um custo mais acessível e mais próximo de casa, os viajantes podem desfrutar encontros e banhos em fontes termais, como no Glenwood Hot Springs Resort, em Glenwood Springs, no Colorado. Este ano, o complexo, construído no fim do século XIX e localizado cerca de 64 quilômetros ao norte de Aspen, planeja ampliar suas instalações, acrescentando cinco piscinas, duas delas com cachoeiras (entrada a partir de US$ 32; quartos do resort com diárias a partir de US$ 179).

Para usufruir plenamente a experiência de um resort de bem-estar, considere o Centro de Retiros Art of Living em Boone, na Carolina do Norte. Em resposta ao aumento de 20 por cento nas reservas em 2023, o centro ampliou suas acomodações, com mais de 40 quartos remodelados e planos para a instalação de um tanque de flutuação.

Seu Retiro de Felicidade, com duração de três dias, utiliza ioga, respiração e meditação para promover o bem-estar. Caso decida levar alguns amigos, o quarto triplo sai a US$ 595 por pessoa, incluindo programação e refeições.

Conexão com a natureza

A região de Destin-Fort Walton Beach, no Noroeste da Flórida, é conhecida principalmente por suas praias de areia branca ao longo da Costa do Golfo. No entanto, o destino tem se dedicado a proporcionar uma conexão mais profunda dos visitantes com a natureza, incluindo a instalação de oito recifes artificiais para mergulho com snorkel desde 2019, que atraem uma variedade de vida marinha, como garoupas, pargos, tartarugas marinhas e, durante o verão, peixes tropicais. De abril a outubro, o programa Pequenas Aventuras oferece excursões educativas para crianças, incluindo atividades gratuitas como mergulho com snorkel, pesca e surfe.

Criado em 2019, o Aberto de Peixe-Leão da Emerald Coast está programado para os dias 17 e 18 de maio, com a inscrição custando US$ 75. O torneio incentiva mergulhadores a caçar o peixe-leão, espécie exótica invasora na região, e tem contribuído para o desenvolvimento de um nicho culinário por meio de parcerias com restaurantes locais. No ano passado, o evento resultou na captura de quase 25 mil exemplares do peixe-leão, caçador voraz que não possui predadores naturais e é mais facilmente capturado por meio da pesca submarina.

"O peixe-leão veio para ficar. Com a remoção dos exemplares capturados durante o evento, as espécies locais encontram alívio, e o peixe-leão começa a ser visto como fonte alimentar para os seres humanos ", afirmou Alex Fogg, biólogo marinho vinculado ao departamento de turismo de Destin-Fort Walton Beach.

Entre as opções de acomodações econômicas na área, os visitantes encontrarão o La Quinta by Wyndham Fort Walton Beach, com quartos a partir de US$ 111 a diária no Booking.com.

Os amantes da natureza podem optar por viajar ao sul do Novo México e participar das comemorações do centenário da Área de Preservação Ambiental Gila. A primeira área selvagem dos Estados Unidos foi estabelecida em 1924, depois do esforço do visionário conservacionista Aldo Leopold para preservar vastas regiões, visando principalmente manter os ecossistemas com o mínimo de intervenção.

A área original, que abrangia 305 mil hectares, agora se divide entre as reservas Gila Wilderness e sua vizinha, Aldo Leopold Wilderness, que juntas oferecem mais de 1.250 quilômetros de trilhas para caminhadas, com acesso gratuito. A partir de março, as celebrações do centenário incluem caminhadas guiadas, observação de estrelas e um festival de cinema. E tudo isso é acessível, incluindo acomodações com preços abaixo de US$ 100 a diária na cidade próxima de Truth or Consequences, conforme a agência de viagens on-line Expedia.

Escolhas menos badaladas

Sempre considere o que não foi considerado – não só para economizar, mas também para se surpreender.

O guia "Lonely Planet" este ano destacou a Polônia como um destino econômico, com US$ 1 valendo cerca de quatro zlotys poloneses. Além disso, observou que o Museu de Arte Moderna de Varsóvia será inaugurado ainda este ano.

"Na Europa, percebemos um aumento no interesse por destinos mais exclusivos, como a Polônia e a Bulgária", disse Bruce Poon Tip, fundador da operadora de turismo G Adventures, que visitou Varsóvia no ano passado e elogiou suas atrações culturais, incluindo a música. A viagem de sete dias da G Adventures de Budapeste, na Hungria, a Berlim inclui uma visita a Cracóvia, na Polônia, com preço inicial de US$ 1.161.

Os viajantes interessados em arquitetura e história devem voltar seu olhar para Tucson, no Arizona, onde o Barrio Viejo, localizado no centro da cidade, está prestes a receber a certificação de Marco Histórico Nacional este ano, reconhecendo oficialmente suas casas de adobe coloridas construídas entre 1860 e 1900.

Caminhe até a região, saindo do Downtown Clifton Hotel, motel de beira de estrada construído em 1948, mas modernizado com estilo (quartos a partir de US$ 99). Embarque nessa jornada com um guia do Museu Presidio San Agustín del Tucson (US$ 30) ou do Airbnb Experiences (US$ 50).

c. 2024 The New York Times Company

Brasil é eleito o melhor país do mundo para praticar ecoturismo, segundo ranking

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.