Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

'A Flor do Buriti': filme brasileiro com elenco indígena ganha prêmio no Festival de Cannes

Longa ganhou o prêmio de melhor equipe na mostra Um Certo Olhar, a segunda mais importante do evento

Cinema|Do R7

Atores do filme 'A Flor do Buriti' no Festival de Cannes
Atores do filme 'A Flor do Buriti' no Festival de Cannes Atores do filme 'A Flor do Buriti' no Festival de Cannes

O filme A Flor do Buriti ganhou o prêmio de melhor equipe na mostra Um Certo Olhar (Un Certain Regard), do Festival de Cannes, nesta sexta-feira (26). A coprodução entre Brasil e Portugal foi dirigida por João Salaviza e Renée Nader Messora, que venceram o Prêmio Especial do Júri da mesma mostra em 2018, com A Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos.

Ambas produções foram desenvolvidos ao lado dos krahôs, povo indígena do Tocantins que emprestou sua cultura para a obra. A premiação principal do evento, que inclui a entrega da Palma de Ouro, será neste sábado (27).

O longa retrata a luta pela terra e as diversas formas de resistência implementadas pela comunidade da aldeia Pedra Branca, do povo Krahô. Sonia Guajajara, hoje ministra dos Povos Indígenas, é uma das lideranças retratadas em cena.

A produção opera no limiar entre ficção e realidade ao registrar a tensão entre os povos da floresta e os "cupe", os não indígenas, que com frequência invadem suas terras para desmatar e alimentar o tráfico de animais silvestres.

Publicidade

O troféu principal ficou com How to Have Sex, de Molly Manning Walker. Augure levou o prêmio nova voz; Goodbye Julia, o liberdade; The Mother of All Lies, o de direção, e Hounds, o do júri.

O ator americano John C. Reilly foi o presidente do júri este ano, que teve como membros a diretora francesa Alice Winocour, a atriz alemã Paula Beer, a diretora francesa-cambojana Davy Chou e a atriz belga Émilie Dequenne.

Publicidade

Considerada a segunda principal seção do evento francês, a mostra premia cineastas que estão em começo de carreira.

Na premiação principal do Festival de Cannes, que inclui a entrega da Palma de Ouro neste sábado, dois brasileiros estão na disputa: Karim Aïnouz, que dirige o longa britânico Firebrand; e Carol Duarte, protagonista do italiano La Chimera. Karim é o único brasileiro que já venceu o prêmio principal da mostra Um Certo Olhar. A vitória aconteceu com A Vida Invisível, em 2019.

Border Collie Messi leva a Palm Dog, prêmio do Festival de Cannes para animais que aparecem nos filmes

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.