Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ex-marido diz que Simaria mentiu sobre separação e nega ter roubado R$ 5 milhões

Vicente Escrig se separou da cantora em 2021 e afirma que não tem condições de pagar pensão aos filhos

Famosos e TV|Do R7

Simaria e o ex-marido, Vicente Escrig
Simaria e o ex-marido, Vicente Escrig Simaria e o ex-marido, Vicente Escrig

Vicente Escrig, o ex-marido de Simaria, se pronunciou pela primeira vez sobre o fim do casamento com a cantora. O empresário espanhol disse que a sertaneja mentiu ao se pronunciar sobre a separação e também negou ter roubado R$ 5 milhões da ex-mulher, como a irmã de Simone insinuou que ocorreu.

Em entrevista ao jornalista Leo Dias, Vicente explica que o processo criminal movido por Simaria é por investimentos que não teriam dado certo. A cantora teria entrado na Justiça alegando perda de R$ 5 milhões em um investimento após ser aconselhada pelo ex-marido a aplicar o dinheiro em criptomoedas.

"Nunca tive R$ 5 milhões. A quantidade que a gente colocou na partilha era de R$ 2,5 milhões. Nesse processo, quero ter acesso às provas desde janeiro. Estamos em maio e ainda não consegui acessar", comentou o espanhol.

• Compartilhe esta notícia no WhatsApp

Publicidade

• Compartilhe esta notícia no Telegram

O empresário também disse que a cantora mentiu quando se pronunciou sobre a separação. Ele relembrou que já havia se separado de Simaria uma vez antes do divórcio definitivo e afirmou que foi ele quem tomou a decisão de romper o casamento pela primeira vez, pois estaria insatisfeito com a rotina repleta de compromissos profissionais da sertaneja.

Publicidade

Vicente e Simaria foram casados por 14 anos. Ele contou que os dois se conheceram pelas redes sociais quando a cantora ainda não era famosa e na época em que ele tinha uma empresa. Hoje em dia, o espanhol diz estar falido e que perdeu muito dinheiro com os custos de advogados, por causa dos processos movidos por Simaria, além da falência de uma empresa de marketing digital de quem ele era dono.

Por conta disso, o empresário afirma que não tem mais condições de pagar a pensão alimentícia dos filhos, Giovanna e Pawel, estipulada em 17 salários mínimos, ou R$ 22.440. "Já perdi quase tudo, meu contato com meus filhos está prejudicado. O estrago está feito", diz ele, que também ressaltou não ter conseguido ver as crianças pessoalmente nos últimos anos e apenas ter contato com elas por mensagem de texto.

Briga, separação da dupla e bloqueio na internet: veja as polêmicas entre Simone e Simaria

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.