Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Ministério Público obtém liminar que proíbe MC Pedrinho de fazer shows em todo o País

Caso a decisão seja desrespeitada, será cobrada multa de R$ 50 mil por apresentação

Pop|Do R7

Com 13 anos, MC Pedrinho canta músicas com letras pornográficas
Com 13 anos, MC Pedrinho canta músicas com letras pornográficas Com 13 anos, MC Pedrinho canta músicas com letras pornográficas

A Promotoria de Justiça de Santana, em São Paulo, obteve liminar do Juízo da Infância e da Juventude que proibiu as apresentações do funkeiro MC Pedrinho no Brasil, sob pena de multa de R$ 50.000 por apresentação.

A Vara da Infância também decidiu que todo o conteúdo relacionado ao artista mirim de 13 anos deve ser retirado das redes sociais.

Procurado pelo R7, o empresário de MC Pedrinho não quis comentar a decisão da Justiça.

O perfil oficial de MC Pedrinho no Facebook e também seus vídeos no YouTube já estão fora do ar, por determinação da Justiça.

Publicidade

O clipe de Dom Dom Dom, música mais conhecida do funkeiro mirim, teve mais de 2 milhões de visualizações no Youtube, mas "não está disponível neste domínio de país devido a um requerimento legal do governo".

Segundo a Vara da Infância e da Juventude, é proibida a exposição do adolescente com essa espécie de conteúdo com alto teor de erotismo, pornografia e palavras de baixo calão.

Publicidade

De acordo com o Ministério Público, os shows de MC Pedrinho "violam a Constituição Federal, o Estatuto da Criança e do Adolescente e a Convenção na ONU sobre os direitos da criança, notadamente pelo conteúdo das canções que interpreta, com alto teor de erotismo, pornografia, e palavras baixo calão, incompatíveis com a condição peculiar de pessoa em desenvolvimento".

O MP também intimará todas as empresas que mantêm vínculos publicitários com vídeos, áudios e músicas de MC Pedrinho. Elas terão de prestar esclarecimentos para explicar por que associaram sua marca a materiais de "caráter pornográfico" envolvendo o adolescente e, também, por contribuir para a sua "indevida superexposição".

Publicidade

MC Pedrinho recebe apoio dos fãs

Apesar de sua página oficial no Facebook estar indisponível, MC Pedrinho ainda tem acesso a sua conta no Twitter e é lá onde recebe apoio dos fãs — na maioria, meninas adolescentes.

— Obrigado pelas mensagens de apoio, meus amores.

As pedrináticas — como se autodenominam as fãs de Pedrinho — têm postado mensagens de apoio e "dicas" para burlar a decisão na Justiça no YouTube. "Quem tiver canal no youtube assim como eu, privem tudo que tiver do Pedrinho. Sem perguntas...", escreveu uma delas.

Funkeiros mirins na mira da Justiça

Esta não é a primeira vez que MC Pedrinho teve seus shows proibidos pela Justiça. Em janeiro deste ano, o Ministério Público do Ceará impediuque o funkeiro mirim se apresentasse em Fortaleza.

Na época, o promotor de Justiça Luciano Tonet argumentou que o adolescente de 13 anos se apresenta com repertório musical dotado de nítida “conotação sexual, alto teor de erotismo, pornografia, baixo calão e todo tipo de vulgaridade, incompatíveis com a condição peculiar de pessoa em desenvolvimento”.

Mesmo após a decisão da Justiça, o adolescente de 13 anos lançou um novo proibidão com letra sexual.

Além de MC Pedrinho, outros funkeiros mirins são alvo de investigação do Ministério Público devido ao conteúdo erótico das músicas e a sexualização dos adolescentes.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.