Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Luana Piovani cobra posição de Pedro Scooby sobre ‘PEC das praias’ após briga com Neymar

Ex-marido da atriz é surfista e amigo do jogador, mas não se pronunciou a respeito da cobrança

Famosos e TV|Estadão Conteúdo

Luana Piovani cobra opinião de Pedro Scooby sobre a PEC das Prais Montagem R7/Reprodução Instagram @luapio, @pedroscooby e @neymarjr

A atriz Luana Piovani voltou a falar sobre a “PEC das praias” em um vídeo gravado e publicado no Instagram neste sábado, 1º. Ela, que chegou a trocar ofensas com Neymar por conta da proposta, cobrou um posicionamento do ex-marido, o surfista Pedro Scooby, amigo do jogador.

O Estadão entrou em contato com a assessoria de imprensa de Scooby para um pronunciamento sobre o vídeo de Luana, mas ainda não obteve retorno. O espaço segue aberto.

No vídeo, a atriz agradeceu às pessoas que a defenderam em meio à discussão com Neymar. “As coisas que acontecem nas redes sociais não interferem na minha vida, graças a Deus”, comentou ela, dizendo que o público que vai assisti-la no teatro não são fãs do atleta.

Em seguida, Luana citou Scooby. “Eu quero saber o que o Pedro acha disso, porque ele é amigo do ‘ignóbil’, mas ele vive de praia. Ele é a favor ou é contra a privatização das praias, essa PEC aí? Vocês não estão curiosos para saber não? Eu estou”, disse.

Publicidade

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 3/2022, atualmente em discussão no Congresso, transfere a responsabilidade de construções à beira-mar para a iniciativa privada. Ela foi aprovada na Câmara dos Deputados e agora segue para o Senado.

A PEC propõe retirar da União a exclusividade sobre os terrenos de áreas costeiras, como praias e contornos de ilhas. Essas áreas pertencem à União mas, caso a proposta entre em vigor, a titularidade passaria para a iniciativa privada mediante pagamento.

Publicidade

Ambientalistas alertam que a medida pode resultar na privatização de praias e traz riscos de agravamento da crise climática. Os defensores da proposta falam em facilitar o registro fundiário e a geração de empregos.

Entenda a briga de Luana Piovani e Neymar

Publicidade

Na quinta-feira, 30, Luana Piovani publicou vídeos nas redes pedindo que as pessoas fossem contrárias à PEC. “Lembrá-los que todos têm que votar contra a privatização das praias. É, senhoras e senhores, 2024 e a gente já chegou nesse lugar. Lembra que eu falei que é difícil ser cidadã no Brasil?”, afirmou a atriz no Instagram.

Neymar foi associado à questão por uma parceria que fechou com uma incorporadora, a Due, em um projeto anunciado como “Caribe brasileiro”. O projeto prevê imóveis de alto padrão em uma área de 100 quilômetros entre os litorais de Pernambuco e Alagoas.

A incorporadora Due, parceira do atacante, nega que a PEC vá beneficiar seu empreendimento. Leia o texto na íntegra:

“Garantindo a transparência das nossas comunicações, reforçamos publicamente que a responsabilidade ambiental e social são valores imutáveis dentro da nossa empresa e projetos. Cumprimos as mais rigorosas leis de proteção ambiental e realizamos projetos próprios de preservação do meio ambiente. Tais valores e práticas permanecem e permanecerão.

Nossos empreendimentos não sofrerão qualquer impacto, seja positivo ou negativo, com a PEC 03/2022, como levianamente imputado por algumas pessoas em seus canais de mídia social e replicado em alguns veículos de comunicação. Nos colocamos à disposição da sociedade, governos e clientes para mais esclarecimentos pelo e-mail faleconosco@dueincorporadora.com.br.”

Na discussão nas redes sociais, a atriz e o atleta trocaram uma série de insultos. Ela o chamou de “péssimo cidadão”, pai e marido, além de “mau caráter”. Ele, por sua vez, disse que Luana é “maluca” e a acusou de querer “lacrar na internet”.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.