Logo R7.com
Logo do PlayPlus
RPet
Publicidade

Altas temperaturas: afinal, é recomendado tosar o pelo de cães e gatos nesse período?

Muitos tutores acreditam que a prática pode aliviar o calor nos pets, mas é necessário tomar alguns cuidados; há raças que não devem ter a pelugem raspada

RPet|Do R7

Não é recomendado tosar os pelos dos cachorros e sair para passear com eles no sol
Não é recomendado tosar os pelos dos cachorros e sair para passear com eles no sol Não é recomendado tosar os pelos dos cachorros e sair para passear com eles no sol

Com as altas temperaturas em boa parte do Brasil, os tutores buscam alternativas para suavizar o calor em seus pets. Muitos recorrem à tosa de pelos, com o intuito de aliviar a sensação quente em gatos e cães, mas nem sempre essa é a melhor opção. Alguns animais podem até sofrer mais com a pele exposta ao sol escaldante, ao invés de se refrescarem.

Segundo Conceição Henrique, veterinária técnica do Instituto Ampara Animal, ‘o sofrimento do animal sem pelo no calor é muito maior’. “Porque não tem proteção alguma aos raios UVB e UVA. Imagina um animal, com aquele pelo grosso o protegendo, de repente é tosado e o tutor vai passear com ele no sol. Não vai resolver nada, não está refrescando, pelo contrário”, explica ela ao RPet.

Muitos especialistas, como Nathália M. Negrão, inclusive, não recomendam a tosa em climas muito quentes. “A gente tem outras formas de ajudar os animais a passarem por esse momento. Porque se a gente tosar o pelo, eles acabam ficando com a pele muito exposta aos raios solares, que pode gerar, principalmente em espécies de pele mais clarinha, câncer de pele, por exemplo. E a gente também tem o fato de que cães e gatos não suam”, complementa.

Conceição ressalta que a tosa é, sim, importante aos animais na questão de higiene e saúde. “Evita fungos e bactérias, principalmente nos animais que têm pelos longos e que podem embolar ou criar fungos e bactérias. O que não é indicado é deixar o animal exposto ao sol quando fazer uma tosa, que de certa forma é um pelo que está protegendo aquela derme. Tosa e sol não combinam”, declara.

Publicidade

Não é recomendada a tosa em raças de cães com subpelos

A raça chow chow pode ter os pelos aparados, mas não raspados
A raça chow chow pode ter os pelos aparados, mas não raspados A raça chow chow pode ter os pelos aparados, mas não raspados

Nathália diz que uma das soluções é fazer uma tosa especial, que remove uma quantidade de subpelos em cachorros com uma pelagem muito densa, como chow chow, spitz alemão, samoieda, border collie, husky siberiano, entre outros.

“Ajuda na investigação e visualização de pulgas e carrapatos, já que esses animais se reproduzem com maior frequência nas épocas mais quentes, tem uma taxa de infestação muito maior”, afirma.

Publicidade

A médica-veterinária integrativa Esther Halfon vai além e diz que as raças de subpelo, como as citadas acima, na verdade, não devem ter os pelos raspados. "Esses cães têm um mecanismo para se refrescar e se você arrancar esse subpelo pode desenvolver alguns tipos de dermatite posteriormente", alerta.

“Existem alguns tipos de tosa na tesoura, e não com máquina, que são menos agressivas para essas determinadas raças. Mas o ideal é que nem tivessem essas raças no Brasil”, acrescenta.

Publicidade

Alternativas para refrescar os pets

Nathália ensina que a principal fonte de troca de calor dos pets, principalmente dos cães, é pela língua. “E eles também usam o piso gelado dos ambientes da casa, por exemplo, para fazer transferência de temperatura”, diz.

· Compartilhe esta notícia no WhatsApp

· Compartilhe esta notícia no Telegram

Entre as formas de refrescar os seus bichos, o tutor pode investir em tapetinhos gelados, vendidos em lojas especializadas, confeccionar forminhas de gelo com frutas, patê ou sache de animais, ou ração batida. “Pode molhar as patinhas, tomando cuidado para não deixar ficar úmidas por muito tempo, para não favorecer o aparecimento de fungos. Passar um pouquinho de água gelada ou gelo na barriga, principalmente nas raças de focinho muito curto, que sofrem mais nos períodos mais quentes do ano”, ilustra.

Saiba mais maneiras de aliviar o calor nos pets aqui.

VEJA TAMBÉM: Cezar Black, Rachel Sheherazade, Radamés e mais; saiba os peões de 'A Fazenda 15' que têm pets

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.