Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Viva a Vida
Publicidade

Japão descobre que tem 7 mil ilhas a mais!

Flipar

Flipar|Do R7


A Autoridade de Informação Geoespacial do Japão descobriu que o país tem 7 mil ilhas a mais do que se imaginava.
A Autoridade de Informação Geoespacial do Japão descobriu que o país tem 7 mil ilhas a mais do que se imaginava.
A informação faz parte de um novo mapeamento digital feito no país asiático. O relatório anterior usado pela Guarda Costeira - feito há 35 anos - apontava 6.852 ilhas.
A informação faz parte de um novo mapeamento digital feito no país asiático. O relatório anterior usado pela Guarda Costeira - feito há 35 anos - apontava 6.852 ilhas.
Mas o novo mapa mostra 14.125 ilhas japonesas. Entretanto isso não significa que o Japão aumentou de tamanho. Na verdade a área territorial continua a mesma.
Mas o novo mapa mostra 14.125 ilhas japonesas. Entretanto isso não significa que o Japão aumentou de tamanho. Na verdade a área territorial continua a mesma.
As 7 mil ilhas a mais se tornaram
As 7 mil ilhas a mais se tornaram
O Japão fica na Ásia Oriental, a leste do Mar do Japão, China, Coreia do Norte e Rússia. Estende-se desde o Mar de Okhotsk, ao norte, até o Mar da China Oriental e Taiwan, ao Sul.
O Japão fica na Ásia Oriental, a leste do Mar do Japão, China, Coreia do Norte e Rússia. Estende-se desde o Mar de Okhotsk, ao norte, até o Mar da China Oriental e Taiwan, ao Sul.
A maior parte das ilhas é montanhosa, com muitos vulcões, como, por exemplo, os Alpes japoneses (foto) e o Monte Fuji.
A maior parte das ilhas é montanhosa, com muitos vulcões, como, por exemplo, os Alpes japoneses (foto) e o Monte Fuji.
O arquipélago do Japão se estende por 2.800 km do norte ao sul. Do total de ilhas, 426 são habitadas.
O arquipélago do Japão se estende por 2.800 km do norte ao sul. Do total de ilhas, 426 são habitadas.
Veja as principais ilhas desse país insular que sempre atraiu a atenção no planeta.
Veja as principais ilhas desse país insular que sempre atraiu a atenção no planeta.
Ilha de Honshu - Com 225.800 km², é a maior ilha do Japão, abriga o Monte Fuji e inclui a Região Metropolitana de Tóquio. Tem cinco regiões com 34 prefeituras.
Ilha de Honshu - Com 225.800 km², é a maior ilha do Japão, abriga o Monte Fuji e inclui a Região Metropolitana de Tóquio. Tem cinco regiões com 34 prefeituras.
A principal cidade de Honshu, portanto, é a própria capital japonesa: Tóquio. Com 13,5 milhões de habitantes, a cidade fundada em 1457 tem cerca de 13 milhões de habitantes.
A principal cidade de Honshu, portanto, é a própria capital japonesa: Tóquio. Com 13,5 milhões de habitantes, a cidade fundada em 1457 tem cerca de 13 milhões de habitantes.
Ilha de Hokkaido - Com 83.423 km², é a segunda maior ilha do Japão e a mais ao norte. Separa-se de Honshu pelo Estreito de Tsugaru. Tem 5 vulcões ainda ativos e concentra florestas muito bem preservadas que são parques nacionais.
Ilha de Hokkaido - Com 83.423 km², é a segunda maior ilha do Japão e a mais ao norte. Separa-se de Honshu pelo Estreito de Tsugaru. Tem 5 vulcões ainda ativos e concentra florestas muito bem preservadas que são parques nacionais.
A principal cidade de Hokkaido é Sapporo, a quinta maior do país. Com 401 mil habitantes, é conhecida por sediar os Jogos Olímpicos de 1972 e por realizar, anualmente, o Festival de Neve de Sapporo. O distrito de Susukino (foto) é a área badalada do entretenimento.
A principal cidade de Hokkaido é Sapporo, a quinta maior do país. Com 401 mil habitantes, é conhecida por sediar os Jogos Olímpicos de 1972 e por realizar, anualmente, o Festival de Neve de Sapporo. O distrito de Susukino (foto) é a área badalada do entretenimento.
Ilha de Kyushu - Com 36.782 km², é a terceira maior ilha do Japão. Tem vulcões ativos, entre eles o Monte Kuju, cujo entorno tem uma das mais famosas fontes termais do país: a de Beppu, na costa leste.
Ilha de Kyushu - Com 36.782 km², é a terceira maior ilha do Japão. Tem vulcões ativos, entre eles o Monte Kuju, cujo entorno tem uma das mais famosas fontes termais do país: a de Beppu, na costa leste.
A principal cidade de Kyushu é Miyzaki, com 398 mil habitantes. Fica no distrito de Aoshima e ganhou esse status de município em 1924.
A principal cidade de Kyushu é Miyzaki, com 398 mil habitantes. Fica no distrito de Aoshima e ganhou esse status de município em 1924.
Ilha de Shikoku - Com 18,2 km², é a menor e a menos populosa das principais ilhas do Japão. A ilha é cortada ao meio por montanhas. Ao norte, maior concentração populacional; e ao sul saída para o Oceano Pacífico, menos habitada.
Ilha de Shikoku - Com 18,2 km², é a menor e a menos populosa das principais ilhas do Japão. A ilha é cortada ao meio por montanhas. Ao norte, maior concentração populacional; e ao sul saída para o Oceano Pacífico, menos habitada.
A principal cidade de Shikoku é Tokushima. Com 267 mil habitantes, é considerada um município desde 1889. Do topo do Monte Bizan se tem uma bela vista da paisagem.
A principal cidade de Shikoku é Tokushima. Com 267 mil habitantes, é considerada um município desde 1889. Do topo do Monte Bizan se tem uma bela vista da paisagem.
Uma curiosidade: em área japonesa existe um arquipélago que está sob domínio da Rússia. São as Ilhas Curilas do Sul, que vão desde a península de Camecháteca, na Rússia, até Hokkaido, no Japão. O arquipélago tem 56 ilhas vulcânicas.
Uma curiosidade: em área japonesa existe um arquipélago que está sob domínio da Rússia. São as Ilhas Curilas do Sul, que vão desde a península de Camecháteca, na Rússia, até Hokkaido, no Japão. O arquipélago tem 56 ilhas vulcânicas.
E o Japão também tem uma parte que é reivindicada pela China. São as Ilhas Senkaku. O arquipélago, que chegou a ser dominado pelos EUA na II Guerra Mundial, foi devolvido ao Japão, mas atraiu interesse da China nos anos 1970 por causa de reservas de petróleo. O arquipélago fica no Mar da China Oriental.
E o Japão também tem uma parte que é reivindicada pela China. São as Ilhas Senkaku. O arquipélago, que chegou a ser dominado pelos EUA na II Guerra Mundial, foi devolvido ao Japão, mas atraiu interesse da China nos anos 1970 por causa de reservas de petróleo. O arquipélago fica no Mar da China Oriental.
Por outro lado, o Japão também reivindica a soberania sobre as chamadas Ilhas Dodko, onde ficam os Rochedos de Liancourt, hoje pertencentes à Coreia do Sul. A região tem importante valor ecológico.
Por outro lado, o Japão também reivindica a soberania sobre as chamadas Ilhas Dodko, onde ficam os Rochedos de Liancourt, hoje pertencentes à Coreia do Sul. A região tem importante valor ecológico.
De dia ou de noite, o Japão tem belas paisagens, combinando natureza e urbanismo.
De dia ou de noite, o Japão tem belas paisagens, combinando natureza e urbanismo.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.