Cartão de Visita Arlindo Cruz: “O show tem que continuar”, sua canção mais regravada e tocada no Brasil

Arlindo Cruz: “O show tem que continuar”, sua canção mais regravada e tocada no Brasil

Na comemoração dos 65 anos do artista, Ecad fez levantamento de suas obras musicais e gravações cadastradas na gestão coletiva

Cartão de Visita - Entretenimento

Na comemoração dos 65 anos do artista, Ecad fez levantamento de suas obras musicais e gravações cadastradas na gestão coletiva  

Cartão de Visita - Entretenimento

Cartão de Visita - Entretenimento

Cartão de Visita - Entretenimento

Arlindo Cruz é um compositor e cantor com uma carreira dedicada ao samba. O artista tem em sua trajetória diversos sucessos em carreira solo, com diferentes parceiros, como o grupo Fundo de Quintal, além de canções gravadas por outros artistas. Nesta quinta, dia 14, ao completar 65 anos, o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) divulga um levantamento musical em sua homenagem.  

O destaque do estudo foi “O show tem que continuar”, uma parceria de Arlindo Cruz com Sombrinha e Luiz Carlos da Vila. Essa foi a canção mais regravada de sua autoria até o momento e também a mais tocada no Brasil nos últimos 10 anos nos principais segmentos de execução pública musical.  

Arlindo Cruz tem 795 obras musicais e 1.797 gravações cadastradas no banco de dados do Ecad. As obras musicais são as suas composições, com letra e/ou melodia e em parceria ou não. Já as gravações são registros de obras musicais disponibilizadas em forma digital (como no streaming) ou em suporte físico (como um DVD). Com isso, uma mesma obra musical pode ter diferentes gravações, como, por exemplo, a original, uma versão acústica ou um show gravado para um DVD.    

O artista tem os seus direitos autorais de execução pública garantidos no Brasil por fazer parte da gestão coletiva e manter o seu repertório atualizado. É desta forma que as suas canções podem ser identificadas e captadas pelo Ecad quando tocam publicamente em locais de frequência coletiva. No entanto, os valores em direitos autorais só podem ser recolhidos e repassados para o cantor quando as pessoas e empresas que utilizam a música fazem o pagamento referente ao licenciamento musical, que é garantido por lei.           

No Brasil, o Ecad é a instituição responsável por arrecadar e distribuir direitos autorais sempre que há utilização pública de músicas em qualquer canal ou espaço: rádio, TV, cinema, estabelecimentos comerciais, plataformas digitais, casas de festas, shows e outros locais de frequência coletiva. Com isso, o Ecad garante que compositores, intérpretes, músicos, editores e produtores fonográficos tenham direito de receber por suas criações musicais. 

Ranking de músicas de autoria de Arlindo Cruz mais tocadas nos últimos 10 anos nos principais segmentos de execução pública (Rádio, Sonorização Ambiental, Casas de Festa e Diversão, Carnaval, Festa Junina, Show e Música ao Vivo).

Posição

Música

Autores

1

O show tem que continuar

Arlindo Cruz / Sombrinha / Luiz Carlos da Vila

2

Meu lugar

Arlindo Cruz / Mauro Diniz

3

Samba de arerê

Arlindo Cruz / Xande de Pilares / Mauro Jr.

4

Agora viu que perdeu e chora

Arlindo Cruz / Jorge David / Franco

5

O que é o amor

Maurição / Arlindo Cruz / Fred Camacho

6

O bem

Delcio Luiz / Arlindo Cruz

7

A pureza da flor

Jr. Dom / Babi / Arlindo Cruz

8

Bagaço da laranja

Arlindo Cruz / Zeca Pagodinho

9

Será que é amor

Jr. Dom / Babi / Arlindo Cruz

10

Camarão que dorme a onda leva

Arlindo Cruz / Beto Sem Braço / Zeca Pagodinho

Top 5 das músicas de autoria de Arlindo Cruz mais regravadas

Posição

Música

Autores

1

O show tem que continuar

Arlindo Cruz / Sombrinha / Luiz Carlos da Vila

2

Samba de arerê

Arlindo Cruz / Xande de Pilares / Mauro Jr.

3

Saudade louca

Arlindo Cruz / Acyr Marques / Franco

4

Meu lugar

Arlindo Cruz / Mauro Diniz

5

Ainda é tempo pra ser feliz

Sombra / Arlindo Cruz / Sombrinha

Últimas