Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Espetáculo infantojuvenil "Cora, Doce Poesia" celebra a vida e obra da poetisa Cora Coralina no SESI

O Núcleo Caboclinhas, em celebração aos seus 16 anos de trajetória, apresenta o premiado espetáculo infantojuvenil "Cora, Doce Poesia...

Cartão de Visita|Do R7

“Eu vou escrever poesia sim!

Vou escrever por todas as desgraças e aflições

Que eu terei na minha vida

Eu vou escrever nem que o mundo desabe sobre

Publicidade

A minha cabeça!”

(Cora Coralina)

Publicidade
Cartão de Visita - Entretenimento
Cartão de Visita - Entretenimento Cartão de Visita - Entretenimento

Créditos: Michael Igielka

O Núcleo Caboclinhas, em celebração aos seus 16 anos de trajetória, apresenta o premiado espetáculo infantojuvenil "Cora, Doce Poesia". Esta produção homenageia a vida e obra da grande poeta goiana Ana Lins dos Guimarães Peixoto Brêtas, mais conhecida como Cora Coralina.

Publicidade

O espetáculo será apresentado de forma gratuita no Teatro do SESI na Avenida Paulista, de 10 de agosto a 3 de setembro. O público-alvo são crianças a partir de 7 anos, embora seja permitido para todas as idades.

"Cora, Doce Poesia" é um espetáculo narrativo lítero-musical, destacando a vida simples, os versos, as flores, os doces e as lições de vida de Cora Coralina. A trajetória de sua vida, desde a infância até a velhice, é contada e cantada com muito lirismo, música e poesia pelas talentosas atrizes do Núcleo Caboclinhas.

O Núcleo Caboclinhas tem dedicado seus 16 anos de trajetória à pesquisa e valorização da diversidade cultural brasileira, explorando sua literatura, musicalidade, cores, danças e várias outras manifestações que compõem este universo vasto e rico.

A produção conta com dramaturgia e direção do Núcleo Caboclinhas, cenografia e adereços de Victor Merseguel, figurinos de Rogerio Romualdo, trilha original e direção musical de Zé Modesto e elenco formado por Aline Anfilo, Geni Cavalcante, Giuliana Cerchiari e Luciana Silveira.

Sinopse 

A vida simples, os versos, as flores, os doces e as lições de vida de Cora Coralina estão impressos nesta singela homenagem à poetisa goiana Ana Lins dos Guimarães Peixoto Brêtas. A trajetória de sua vida, desde a infância até sua velhice, é contada e cantada com muito lirismo, muita música e muita poesia pelas atrizes do Núcleo Caboclinhas.

Sobre o Núcleo Caboclinhas

Neste ano de 2023, as caboclinhas completam 16 anos de trajetória comprometidas com a pesquisa e valorização da diversidade cultural brasileira- sua literatura, musicalidade, cores, danças e diversas outras manifestações que fazem parte deste vasto e rico universo.

Dentro desta pesquisa, o Núcleo Caboclinhas desenvolveu trabalhos inspirados em grandes nomes da literatura nacional, tais como: Tatiana Belinky (russa, mas radicada no Brasil), Rolando Boldrin, Patativa do Assaré, Ana Maria Machado, Guimarães Rosa e Cora Coralina.

Também foram realizadas narrações de histórias, shows, intervenções e cortejos lítero-musicais de resgate dos costumes e tradições nacionais, como os ritmos nordestinos, as festas e costumes populares, as canções carnavalescas e folclóricas .

Ao longo deste caminho de atividades o grupo conquistou o reconhecimento da crítica especializada e atingiu milhares de espectadores. Participou de mostras e festivais de teatro, além de ter tido a grande alegria de percorrer diversos espaços do território brasileiro levando seus espetáculos e também de realizar uma itinerância cultural por Portugal com o espetáculo Letras Perambulantes – sobre vida e obra do poeta Patativa do Assaré no ano de 2016.

O Núcleo Caboclinhas foi laureado com importantes prêmios nacionais e contemplado em editais de circulação de espetáculos das secretarias de cultura municipal e do estado de São Paulo e do Governo Federal.

Ficha técnica

Dramaturgia e direção: Núcleo Caboclinhas

Cenografia e adereços: Victor Merseguel

Cenotécnicos: Lucas Bonfim Weishaupt do Nascimento e Bira Nogueira

Montador: Paulo Pellegrini

Figurinos: Rogerio Romualdo

Trilha original e direção musical: Zé Modesto

Preparação corporal e direção de movimentos : Aline Alves

Designer de luz: Priscila Carla

Elenco: Aline Anfilo, Geni Cavalcante, Giuliana Cerchiari e Luciana Silveira

Técnica de luz: Cristiane Urbinatti e Cic Morais.

Técnicos de som: Leandro Wanderley, Cic Morais e Leandro Goulart

Fotos: Michel Igielka

Produção Geral: Núcleo Caboclinhas

Produção Executiva: Taís Cabral

Redes sociais: Príscila Galvão.

Assessoria de Imprensa: Pombo Correio

Serviço

De 10 de agosto a 3 de setembro no Teatro do SESI

Endereço: Avenida Paulista, número 1313. Prédio da Fiesp.

Capacidade: 456 lugares.

Grátis. Retirada de ingressos: Faça a sua reserva. Os ingressos são liberados toda segunda-feira, à partir das 08h00 no site do Sesi: www.sesisp.org.br/eventos

Sessões às quintas-feiras e sextas-feiras às 11h. Sábados e domingos às 15h.

Duração: 55 minutos

Faixa etária recomendada: A partir de 7 anos

Livre

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.