Cinema Família de Gérard Depardieu denuncia 'maquinação' contra o famoso ator francês

Família de Gérard Depardieu denuncia 'maquinação' contra o famoso ator francês

Filhos saem em defesa de Depardieu enquanto governo diz que 'seu comportamento envergonha a França'

AFP
  • Cinema | por AFP

O ator francês Gérard Depardieu enfrenta várias denúncias de agressão sexual

O ator francês Gérard Depardieu enfrenta várias denúncias de agressão sexual

THIERRY ROGE/BELGA/AFP - 25.06.2018

A família de Gérard Depardieu denunciou, neste domingo (17), uma "maquinação" contra o famoso ator francês, em meio a uma polêmica após a revelação de alguns comentários sexistas do intérprete. 

"É claro, muitas vezes somos surpreendidos pelos comentários de Gérard, mas nosso pai/avô/tio está sendo submetido a uma maquinação sem precedentes", escreveram vários membros de sua família, incluindo sua filha, a atriz Julie Depardieu, em uma coluna publicada no Journal du Dimanche.

No texto, a família denunciou uma "indignação coletiva" contra o ator, garantindo que, "em privado, com os filhos", ele é "extremamente modesto" e "delicado". 

Em dezembro de 2020, a Justiça acusou o ator de 74 anos de estupro e agressão sexual à atriz Charlotte Arnould, algo que o ator nega

Desde então, uma dezena de mulheres acusaram-no, nos jornais, de violência sexual, incluindo a atriz Hélène Darras. A Justiça investiga sua denúncia, apresentada em 10 de setembro, por fatos em princípio prescritos. 

Soma-se a isso a recente difusão de um documentário na televisão pública francesa que mostra de perto o comportamento inadequado de Depardieu com as mulheres durante as filmagens. A polícia francesa e o Ministério Público de Paris investigam a morte da atriz Emmanuelle Debever, que tirou a própria vida no dia 7 de dezembro, mesma data em que a emissora France 2 exibiu o documentário. Emmanuelle, que também era atriz, acusou — quase 40 anos depois — Depardieu de agressões sexuais em 1982 durante as filmagens de O Caso Danton: o Processo da Revolução.

Na sexta-feira (15), a ministra francesa da Cultura, Rima Abdul-Malak, disse que o comportamento de Depardieu "envergonha" a França. 

Depardieu é uma lenda do cinema francês, como Alain Delon ou Brigitte Bardot, com uma prolífica carreira de mais de 200 filmes, também marcada por excessos e escândalos.

Últimas