Cinema Série 'Dom' adapta história real de famoso chefe do crime no Rio

Série 'Dom' adapta história real de famoso chefe do crime no Rio

Trama aborda a vida de Pedro Dom, que comandava uma quadrilha nos anos 2000. R7 entrevistou a equipe da produção

  • Cinema | Felipe Gladiador, do R7

Resumindo a Notícia
  • A série brasileira 'Dom' adapta a vida de Pedro Dom, que ficou famoso nos anos 2000

  • Dom comandava uma quadrilha que assaltava residências de luxo no Rio de Janeiro

  • Reportagem do Portal R7 entrevistou a equipe da série, que estreia nesta sexta-feira (4)

  • Eles falaram sobre a complexidade da história que aborda temas delicados

Ramon Francisco, Raquel Villar, Digão Ribeiro, Gabriel Leone e Isabella Santoni

Ramon Francisco, Raquel Villar, Digão Ribeiro, Gabriel Leone e Isabella Santoni

Divulgação/Amazon Studios

Estreia nesta sexta-feira (4) a série brasileira Dom, que adapta a história real de Pedro Machado Lomba Neto, ou Pedro Dom, que ficou muito conhecido como chefe de uma quadrilha especializada em assaltar residências de luxo no Rio de Janeiro. 

De classe média, Dom ganhou as manchetes por conta dos crimes que comandou nos anos 2000. Filho do policial Victor Dantas, ele tem agora a vida contada na produção que é baseada nos relatos do próprio pai ao diretor Breno Silveira, e outras fontes como o livro de mesmo nome da série, escrito por Tony Bellotto.

R7 entrevistou a equipe da série. Você pode conferir o vídeo completo abaixo.

Gabriel Leone e Flávio Tolezani vivem pai e filho que estão em lados opostos no mundo do crime

Gabriel Leone e Flávio Tolezani vivem pai e filho que estão em lados opostos no mundo do crime

Divulgação/Amazon Studios

Os atores Gabriel Leone e Flávio Tolezani, que interpretam Dom e Victor, falaram sobre explorar a complexa história de pai e filho. "Essa possibilidade de enxergar o ser humano por trás desses mitos. Isso me interessa. Não é uma questão de passar pano. É se aprofundar, entender, e inclusive [saber] as consequências de tudo que aconteceu", diz Gabriel, que mudou de visual para se parecer com Dom, que era loiro e tinha olhos azuis.

"Acho que isso foi um trabalho delicado, porque como é inspirado em fatos reais, muita coisa do roteiro é tão absurda que parece mentira. A sequência inicial, dele indo buscar o filho no Morro é real. Só que é tão absurdo acontecer aquilo que 'perigava' cair numa ficção extremamente ruim", opina Flávio.

As atrizes Raquel Villar e Isabella Santoni interpretam Jasmin e Viviane, interesses de Dom e comparsas dele nos assaltos. Raquel fala sobre as cenas de violência que a personagem vive: "Isso vem para mostrar, talvez como uma forma de alertar para você rever por fora, porque geralmente você está dentro de uma situação e não consegue sair dela".

Raquel Villar e Isabella Santoni interpretam Jasmin e Viviane, comparsas de Pedro Dom

Raquel Villar e Isabella Santoni interpretam Jasmin e Viviane, comparsas de Pedro Dom

Divulgação/Amazon Studios

Isabella destaca os vários lados dos personagens: "São humanos, você vê que existe algo a mais ali por trás. Tem muita tensão, mas também tem uma mensagem muito importante".

Criador da série, o cineasta Breno Silveira destaca o mesmo ponto que Isabella: "Tudo se encaixa de uma forma muito humana, verdadeira. Eu não tive que inventar coisas. Quando você retrata a realidade, as pessoas podem até julgar depois, eu não faço julgamento".

Malu Miranda, chefe de conteúdos originais da Amazon Studios Brasil, ressalta a universalidade da trama: "Eu acho que é um momento muito propício para a gente poder contar histórias brasileiras extremamente específicas que possam viajar pelo mundo".

Confira a entrevista em vídeo com a equipe da série Dom

Dom está disponível na plataforma de streaming Amazon Prime Video. 

Últimas