Ator José Mayer deixa a TV Globo após 35 anos

Segundo a emissora, o fim da parceria foi de comum acordo; global estava afastado da TV desde 2017 após acusação de assédio sexual

  • Famosos e TV | Camila Juliotti, do R7

Mayer rompeu contrato com canal em comum acordo

Mayer rompeu contrato com canal em comum acordo

Divulgação/TV Globo

José Mayer não faz mais parte do elenco da TV Globo. A notícia foi confirmada pela própria emissora por meio de comunicado oficial divulgado nesta terça-feira (15).

"Depois de mais de 35 anos de uma trajetória iniciada na novela Guerra dos Sexos, em 1983, com participação em mais de 40 obras, entre novelas, séries, minisséries e especiais, a Globo e o ator José Mayer informam o fim da parceria, de comum acordo, no final de 2018".

O último trabalho do ator na TV foi na novela A Lei do Amor, em 2017. Na época, Mayer foi afastado do canal após a figurinista Susllem Tonani denunciar que foi abusada por ele nos bastidores do folhetim. 

Assim que a história veio à tona, Mayer "culpou" o personagem e, em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, alegou, na ocasião, que o comportamento atribuído à ele se referia ao personagem que ele interpretava na novela, o vilão Tião Bezerra.

Dias depois, o ator publicou uma carta com um pedido de desculpas. No texto, ele afirmou que não teve a intenção de ofender a colega e admitiu que as brincadeiras de cunho machista ultrapassaram os limites. 

A denúncia da figurinista comoveu atrizes e funcionárias da TV Globo que organizaram um protesto contra o ator. A frase "Mexeu com uma, mexeu com todas. Chega de assédio" representava o movimento com adesão de famosas como Bruna Marquezine e Fernanda Lima.

Em abril do ano passado, a colunista do R7, Keila Jimenez, já havia antecipado que Zé Mayer corria o risco de perder contrato na emissora. O autor Aguinaldo Silva tinha escalado o nome do ator para a novela O Sétimo Guardião (no ar atualmente), porém, o nome de Mayer foi retirado da lista do elenco pela direção da emissora.

Últimas