Derico homenageia Bira tocando clássico Duerme Negrito

"Toda vez que a gente chegava no set de filmagem, ele pegava o baixo e cantava essa música", contou o saxofonista e amigo de 30 anos

Derico homenageia Bira tocando clássico Duerme Negrito

Derico homenageia Bira tocando clássico Duerme Negrito

Arquivo Pessoal

O saxofonista Derico Sciotti, parceiro do músico baiano Ubirajara Penacho dos Reis, mais conhecido como Bira do 'Programa do Jô', homenageou o amigo do "sexteto", morto neste domingo (22), após sofrer um AVC.

Em vídeo, o músico tocou um trecho de Duerme Negrito, do cantor, compositor, violinista e escritor argentino Don Atahualpa Yupanqui. A música é uma das mais belas canções de ninar do folclore latino-americano.

"Toda vez que a gente chegava no set de filmagens, ele pegava o baixo e cantava essa música", disse ele.

Corpo de Bira será velado e depois levado para crematório

No vídeo, Derico também exaltou o companheiro de banda.

"Um querido irmão, pessoa com quem vive durante 30 anos. Aprendi muita coisa com ele. Um cara responsável, um cara capaz, uma figura querida por todos. Era uma pessoa amada. Saia na rua todo mundo tirava foto, gostava dele. E hoje, todo mundo com saudades dele. Três anos que a gente está fora do ar e ele continua sendo uma pessoa querida. E vai continuar sendo uma pessoa querida".

MORTE
Morreu na manhã deste domingo (22), aos 85 anos, o músico baiano Ubirajara Penacho dos Reis, mais conhecido como Bira do 'Programa do Jô'. Carismático e dono de uma risada famosa, Bira foi durante anos baixista do Sexteto de Jô Soares na TV. O músico foi a óbito em decorrência de uma parada cardíaca, dias após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC).