Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Entenda por que Carlinhos Mendigo vai ficar 30 dias preso

Humorista deve cerca de R$ 250 mil de pensão alimentícia para o filho que teve com a empresária Aline Hauck

Famosos e TV|Do R7, com informações do Estadão Conteúdo


Carlinhos Mendigo no Lollapalooza no ano passado Reprodução Instagram @carlinhoshumor

O humorista Carlos Alberto da Silva, conhecido como Carlinhos Mendigo, foi preso na última terça-feira (18), na Avenida Nove de Julho, em São Paulo por não pagar pensão alimentícia para o filho Arthur, fruto do relacionamento que teve com a ex-dancarina do Gugu e empresária Aline Hauck. A dívida chega a R$ 247 mil.

Ele tinha a opção de pagar a quantia na audiência de custódia realizada ontem, mas não sanou a dívida. Com isso, o TJ-SP (Tribunal de justiça de São Paulo), homologou a prisão do humorista por pelo menos 30 dias.

Neste período a Justiça vai analisar o caso e ver quais serão os próximos passos da ação. Mendigo pode não ser solto antes dos 30 dias, mesmo que pague a pensão do filho.

O humorista era considerado foragido desde 2022, quando a Justiça determinou prisão preventiva dele, após denúncia de Aline Hauck por falta de pagamento da pensão do filho. No entanto, ele não alterou sua rotina, tanto que esteve no festival de música Lollapalloza, em agosto do ano passado e publicou nas redes sociais.

Publicidade

Quem é Carlinhos Mendigo?

Carlinhos ficou famoso por integrar a equipe de humor do programa Pânico na TV, onde trabalhou de 2003 e 2007. Lá, ele se destacou com imitações de famosos como Milton Neves, Luiz Inácio Lula da Silva, Sérgio Mallandro e Silvio Santos.

No Pânico na TV, Carlinhos conheceu Sabrina Sato. Os dois namoraram por dois anos entre 2003 e 2005. O humorista até tatuou o nome da apresentadora no pulso.

Publicidade

Em 2007, ele migrou para a RECORD e fez vários personagens no Show do Tom, de Tom Cavalcante. Em 2009, participou da primeira temporada do reality show A Fazenda e ficou em terceiro lugar.

Carlos voltou ao elenco do Pânico em 2015, dessa vez na Band, e ficou até o término do programa em 2017.

Em 2018, estreou um programa chamado Bola, vai no meu lugar? com seu ex-companheiro de Pânico, o “Bola” (Marcos Chiesa). A produção foi lançada no canal de streaming PlayPlus, da RECORD.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.