Famosos e TV Ex-noiva de Whindersson Nunes comenta morte de jovem após fake news

Ex-noiva de Whindersson Nunes comenta morte de jovem após fake news

Morreu aos 22 anos a jovem Jéssica Vitoria Dias Canedo, falsamente apontada como affair do comediante

  • Famosos e TV | Do R7

Maria Lina Deggan e Whindersson Nunes já foram noivos e tiveram um filho

Maria Lina Deggan e Whindersson Nunes já foram noivos e tiveram um filho

Reprodução/Instagram/@marialdgg/@whinderssonnunes

[Alerta gatilho]: para as pessoas que querem e precisam conversar, o CVV (Centro de Valorização da Vida) oferece apoio emocional e prevenção do suicídio por meio do telefone 188, além das opções chat e e-mail.

Maria Lina Deggan, ex-noiva de Whindersson Nunes, comentou a morte de Jéssica Vitoria Canedo, falsamente apontada como affair do humorista. A influenciadora alertou sobre o perigo de fake news disseminadas nas redes sociais e criticou quem usa a internet para atacar outras pessoas.

"Fake news mata muita gente. Vocês que criticam, que desejam coisas ruins, que maltratam, que ofendem, que perseguem, têm sangue nas mãos. Vocês que ficam atrás do celular destruindo a vida de pessoas que vocês não conhecem. Vocês que só param quando algo assim acontece. Isso se pararem, né? Eu sinto muitíssimo por essa moça, muito mesmo", disse Maria Lina.

A influenciadora foi noiva de Whindersson, e os dois tiveram um filho juntos, João Miguel. O menino morreu poucos dias após ter nascido prematuro, e o relacionamento entre os dois chegou ao fim pouco depois da perda do bebê.

Clique aqui e receba as notícias do R7 Entretenimento no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

Jéssica Vitoria Dias Canedo, falsamente tida como affair de Whindersson Nunes, morreu, aos 22 anos, em Araguari, no Triângulo Mineiro, distante 567 km de Belo Horizonte (MG).

Whindersson, que já havia desmentido os boatos que ligavam a jovem a ele, lamentou a morte. "Estou extremamente triste. Voltei ao dia em que perdi meu filho. Que ninguém passe pela dor de enterrar um filho", disse o humorista.

Três dias antes da morte, Inês Oliveira — mãe de Jéssica — gravou um vídeo no qual chora e diz que a filha sofria de depressão e havia sido vítima de uma mentira. "Eu estou aqui, em primeiro lugar, como uma mãe que está passando por uma situação difícil com a sua filha. Publicaram uma mentira. A minha filha sofre de uma depressão muito séria, muito profunda, muito grave. Então, como mãe, pedindo, pelo amor de Deus, parem de postar isso", disse ela, aos prantos.

Rita Lee, Matthew Perry e Gloria Maria: veja famosos que morreram em 2023 e vão deixar saudade

Últimas