Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Entretenimento – Música, famosos, TV, cinema, séries e mais
Publicidade

Fernanda Motta relembra diagnóstico de câncer de mama: 'Não fiquei desesperada'

A modelo falou de como foi importante para ela manter o pensamento positivo ao longo do tratamento

Famosos e TV|Do R7


Fernanda Motta relembra diagnóstico de câncer de mama
Fernanda Motta relembra diagnóstico de câncer de mama

Fernanda Motta foi diagnosticada com câncer de mama em 2019 e já está curada da doença. A modelo relembrou como foi receber o diagnóstico e mencionou quanto foi importante para ela manter o pensamento positivo ao longo do tratamento.

"Receber um diagnóstico desses não só é uma coisa inesperada, mas também indesejada. Ninguém na face da terra pensa que vai receber um diagnóstico desses. É uma situação muito difícil", disse ela, em entrevista ao podcast Sala de Espera.

A modelo contou que descobriu o câncer de mama após ter feito um autoexame em casa e então, procurado um médico para realizar testes clínicos e confirmar a suspeita. Ela disse que se ama muito, que sempre se conheceu bem e que cuidou de si mesma, então logo percebeu quando apareceu uma alteração no corpo.

A apresentadora recordou que, na consulta, o médico disse a ela que havia "um problema e uma solução". O problema era o câncer, e a solução era o tratamento. Ela ainda lembrou que havia 95% de chance de cura, por isso resolveu se apegar a essa informação e focar as recomendações médicas, para ter a melhor recuperação possível.

Publicidade

"Meus olhos encheram d'água, fiquei muito emocionada. Não fiquei desesperada", recordou. Fernanda compartilhou uma das lições que aprendeu ao longo desse processo: "Daquele dia, aprendi que nada volta atrás. Tudo o que passou não volta. Você precisa seguir em frente, ter foco para conseguir o quer, tanto na saúde quanto na vida, porque nada vai voltar a ser como antes."

Fernanda reforçou a importância de manter a positividade, não só para o paciente, mas também para pessoas próximas de quem está em tratamento. "Sempre falo isso para as pessoas que me procuram, principalmente os parentes, as pessoas que estão junto da pessoa que está com a doença, não ficar triste, tem que dar força para a pessoa, botar a pessoa para cima. Isso faz muita diferença", falou.

Por mais que incentive as pessoas que estão enfrentando o câncer a pensar no futuro e manter a positividade, a modelo esclareceu que o diagnóstico da doença e o seu tratamento são difíceis. "Não estou falando que é um mar de rosas, é muito difícil, é traumático, é doloroso, tem complicações. Mas, ao mesmo tempo, tem cura", concluiu.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.