Famosos e TV Filho de Zezé Di Camargo faz desabafo e rebate Graciele Lacerda: 'Não posso deixar essa covardia'

Filho de Zezé Di Camargo faz desabafo e rebate Graciele Lacerda: 'Não posso deixar essa covardia'

Igor Camargo revelou prints de outros ataques da madrasta contra a família e explicou que a mulher, Amabylle Eiroa, não pode se manifestar por decisão da Justiça

  • Famosos e TV | Do R7

Filho de Zezé disse que família viu perfil fake no celular de Graciele

Filho de Zezé disse que família viu perfil fake no celular de Graciele

Montagem R7/Reprodução Instagram/RECORD

Igor Godoi Camargo, filho de Zilu Godoi e Zezé Di Camargo, fez um longo desabafo em vídeo após a madrasta Graciele Lacerda admitir em entrevista ao Domingo Espetacular que tinha um perfil fake no qual falava da família do sertanejo. 

A influenciadora explicou que criou o perfil para se defender de ataques que sofria. Igor rebateu a madrasta, dizendo que sua mulher, Amabylle Eiroa, está proibida de falar sobre o assunto.

"Sou uma pessoa discreta. Sou o último que deveria entrar nesse assunto. Quem deveria se defender é a Amabylle, mas teve decisão cautelar extremamente excessiva, na qual se Amabylle citar Graciele pode ter prisão preventiva. Graciele só veio falar porque Amabylle não pode se defender. Não posso deixar essa covardia sem defendê-la", começou ele nas imagens.

"Foi feito até pedido de busca e apreensão pela parte que está processando a Amabylle. O único erro dela foi postar um documento que estava em segredo de Justiça. Essa postagem não muda os fatos. Ela foi mal assessorada pelo advogado, porque ela perguntou se podia postar e falaram que ela poderia. Mas isso será defendido na Justiça, vamos em frente", detalhou ele sobre Amabylle ter revelado na web que tinha sido descoberto que o perfil que a atacava era mesmo de Graciele.

Segundo o DJ, a família tentou finalizar a briga sem envolver a mídia: "Ela [Amabylle] não teve nenhuma má-fé em trazer isso à tona. A gente tentou resolver desde julho. No começo a Graciele negou ter conhecimento do perfil fake, depois disse que não usava, e agora disse que todo mundo conhecia o perfil fake. Quando a gente trouxe a história internamente, a Graciele em vez de falar: 'Não fui eu. Foi minha equipe. Vamos procurar juntas?'. Não. Ela criou uma teoria da conspiração de que Amabylle teria visto que esse perfil era usado pela Graciele, teria criado perfil de mesmo nome, o que é impossível, e teria feito ataques à família para culpar Graciele".

Igor também revelou que a família já viu o tal perfil fake no próprio celular de Graciele: "Se você não está usando o perfil, de repente começa a ter interação, você mesmo interage com aquele perfil e você não percebe que alguém de fora está usando aquele perfil?! Aonde cola isso? Isso que não consigo entender".

"Foi provado que o IP de criação foi dela [Graciele] mesmo. Não sei se vocês sabem disso. Não tem pra onde correr, porque não faz sentido a história. Os ataques foram feitos no Instagram da Graciele, da família, e ela não viu?! E me irrita porque as pessoas me subestimam. Já fiz duas faculdades, eu estudo sobre tecnologia, e as desculpas não fazem sentido nenhum. E causam um conflito familiar que poderia ser evitado", continuou ele.

Igor mostrou diversos prints de ataques que foram feitos pelo perfil de Graciele: "Como as pessoas vêm atrás de mim, tenho que me defender. E vocês vão ver que meus argumentos fazem total sentido".

Clique aqui e receba as notícias do R7 Entretenimento no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Assine a newsletter R7 em Ponto

Depois da entrevista, Graciele publicou um texto na web para falar novamente sobre o assunto: "Até os maiores bandidos, que cometem crimes hediondos, têm direito a defesa. Tem o direito de se defender. Eu não tive esse direito. O tribunal da internet me julgou. Me condenou e a partir daí foram ofensas diárias, ataques diversos a mim, minha família e ao meu trabalho. Com palavras pejorativas e uma tentativa constante de acabar com a minha vida e o meu psicológico".

Segundo ela, gostar de Zezé Di Camargo a fez ser atacada sem nenhuma justificativa: "Empatia e respeito de alguns nunca existiram por mim. Nunca!!!! Parece que eu não tenho direito a isso, todos têm, menos eu. Mas qual foi o crime que cometi? Amar!!! Desde que assumimos o nosso relacionamento, eu e o Zezé, somos constantemente bombardeados. Se não nos amássemos de verdade, não teríamos suportado tudo isso, e nem estaríamos mais juntos. Pessoas julgam nossas vidas, de forma leviana, acreditam em manchetes sensacionalistas de Instagrans que divulgam fragmentos de informações e as colocam como 'verdade absoluta'".

"Pessoas são motivadas a fazerem coisas boas e ruins por inúmeros sentimentos, dos mais genuínos aos maios levianos. E é preciso ter cuidado quando se fala da vida do outro. É preciso ter responsabilidade quando se julga a vida do outro. Eu espero que ninguém passe por tudo que passei, e agradeço a Deus por ter tido fé e pessoas a minha volta me apoiando. Profissionais, amigos e o meu amor, que não soltaram a minha mão nos dias mais sombrios e me fizeram enxergar que tudo passa. Se não fosse por esses, talvez hoje eu nem estivesse mais aqui para contar a minha parte da história. Graciele Lacerda", finalizou. 

Graciele Lacerda tenta se justificar, mas fica com fama de vilã nas redes sociais

Últimas